Câmaras vão pagar vacinas da gripe dadas nas farmácias. Para já só 3 municípios aderiram

Tal como nos centros de saúde, agora vai ser possível adquirir e tomar as vacinas da gripe nas farmácias, com a diferença de que os custos deverão ser assumidos pelas câmaras municipais. Cada imunização custará 2,5 euros aos municípios e ficará gratuita para pelo menos 150 mil utentes. Para já, só aderiram três autarquias.

De acordo com o Jornal de Notícias, os custos da administração de cerca de 150 mil vacinas da gripe nas farmácias comunitárias vão ser arrecadados pelas câmaras. Numa altura em que faltam poucos dias para arrancar a segunda fase de vacinação dos grupos de risco, apenas três municípios aderiram ao projeto que pretende aumentar a imunização da população idosa, ao mesmo tempo que ajuda nos encargos atribuídos aos centros de saúde.

A Câmara Municipal do Porto, a Câmara de Guimarães e a Câmara de Fornos de Algodres (na Guarda) foram para já as únicas a disponibilizarem-se para pagar as vacinas à população. Contudo, Duarte Santos, diretor da Associação Nacional de Farmácias (ANF), garante que “há dezenas de municípios” prestes a assinarem o protocolo.

Cada vacina vai render 2,5 euros às farmácias. Segundo o JN, este é um valor “solidário” que não chega para cobrir as despesas com as instalações, com os materiais de proteção individual e consumíveis e com a formação técnico-científica dos farmacêuticos. Porém, a ANF considera ser “um contributo responsável da rede de farmácias para vencer a covid-19”.

Ao longo dos últimos anos, as farmácias de todo o país vendem e administram vacinas da gripe, com comparticipação do SNS e com o pagamento do utente, mas agora é a primeira vez que participam na campanha para ajudar o Serviço Nacional de Saúde.

António Sales, Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, informou no fim de setembro que 10% das vacinas reservadas para a população de risco poderão este ano ser administradas em cerca de duas mil farmácias. Depois de várias reuniões, ficou decidido que o Ministério da Saúde ia colaborar apenas com a cedência de vacinas do SNS, e que os restantes encargos passariam para as câmaras.

Em concordância com o que diz o JN, esta medida pode não abranger toda a população de risco, uma vez que a segunda fase da campanha de vacinação da gripe arranca já no dia 19 de outubro, e mesmo que sejam assinados protocolos com “dezenas” de câmaras, dificilmente serão abrangidos os 308 concelhos do país. O jornal considera que, no acesso a este serviço, pode não estar garantida a “equidade”.

A ANF lembra que há vários países no mundo onde os governos estão a aproveitar a rede de farmácias para imunizar as populações contra a gripe num ano especialmente complexo por causa da pandemia covid-19, por isso considera que “seria justo que o Estado investisse para garantir a liberdade de escolha a todos os portugueses (de se vacinarem na farmácia ou no centro de saúde) como acontece em muitos países desenvolvidos”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Já é possível ouvir a Via Láctea. NASA transforma dados de corpos celestes em música

A NASA converteu dados de astronomia em sons, permitindo ouvir composições musicais derivadas da própria estrutura do Universo. Especialistas da NASA transformaram dados da Via Láctea em sons graças a um processo conhecido como sonificação. …

Federer acusado de manobrar a tabela ATP

Contas da associação de tenistas foram alteradas por causa do coronavírus. Roger Federer está no quinto lugar mas só disputou um torneio ao longo de 2020. Em ano anormal, contas anormais: a tabela oficial da Associação …

Astrónomo do Instituto SETI garante que vamos encontrar extraterrestres até 2036

Seth Shostak, astrónomo e astrofísico do Instituto SETI (Search for Extraterrestrial Intelligence) está convencido de que os humanos vão encontrar uma civilização extraterrestre inteligente até 2036. “O SETI duplica a velocidade aproximadamente a cada dois anos …

Mais leve e elegante. Assim é a nova e-bike que vai chegar às ruas da Europa

A startup Urban Cycles Oy, com sede em Helsínquia, demarcou uma espécie de lacuna no mercado europeu de bicicletas elétricas e por isso quis preenchê-la. O objetivo era produzir uma bicicleta elegante e mais leve. Um …

Incêndio reduz a maior ilha de areia do mundo a metade. É Património da Humanidade

Quase metade de Fraser, a maior ilha de areia do mundo, que se situa no nordeste da Austrália e foi classificada como Património da Humanidade pela UNESCO, foi destruída por um incêndio florestal. O incêndio queimou …

"Toca de bruxaria" permaneceu até agora numa casa do século XVI. Encontrados crânios de cavalo e veneno

Uma casa cheia de objetos ocultos foi recentemente alvo de grande interesse. O espaço estava localizado dentro de numa casa do século XVI no País de Gales, e encontrava-se repleto de objetos ocultos, incluindo crânios …

Em 1843, o primeiro cartão de Natal foi considerado "escandaloso" (agora vai ser leiloado pela Christie)

Um exemplar do primeiro cartão de Natal impresso comercialmente, em 1843, que retratava uma cena da era vitoriana que escandalizou a população, vai ser posto à venda esta sexta-feira e é considerado um item raríssimo. Este …

Marcelo quer alívio de restrições no Natal sem pôr em xeque janeiro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou esta sexta-feira esperar que a "possível exceção" no Natal ao quadro de restrições para conter a covid-19 "seja bem entendida e bem vivida" e não provoque …

Bill Gates diz que o mundo estará de volta à normalidade já na primavera de 2021

Bill Gates, que desde 2015 tinha vindo a lançar alguns alertas sobre uma possível pandemia, deixou agora uma mensagem de esperança ao dizer que acredita que os EUA irão voltar ao normal na primavera de …

Mais um passo na hegemonia. China constrói aldeia nos Himalaias, em zona também disputada pela Índia e pelo Butão

Novas imagens de satélite mostram que a China construiu uma aldeia nos Himalaias, ao longo de uma fronteira que também é disputada pela Índia e pelo Butão, e que foi palco de um impasse agressivo …