Viagem no tempo (virtual) já é possível e cura traumas

ICREA / BBC

Os participantes no estudo podem ver e ouvir os seus "eus anteriores virtuais" quando viajam no tempo

Os participantes no estudo podem ver e ouvir os seus “eus anteriores virtuais” quando viajam no tempo

Se na vida real não é possível voltar atrás no tempo, um estudo que permitia a viagem no tempo num ambiente de realidade virtual descobriu que a experiência pode até ajudar a superar traumas.

O estudo, publicado na Frontiers in Psychology, avaliou 32 participantes que presenciaram, em realidade virtual, um homem a disparar dentro de uma galeria de arte e a matar cinco pessoas.

No teste, os participantes aprendiam a controlar um elevador, e sem saber, deixavam que o assassino subisse ao piso superior, onde se encontravam as vítimas.

Metade dos participantes voltava no tempo para reviver os acontecimentos, mas a segunda vez deparavam-se com um dilema moral: não fazer nada e ver cinco pessoas morrerem, ou intervir e salvá-las, condenando apenas uma pessoa à morte.

Como esperado, a maioria das cobaias decidiu intervir e não deixar o assassino usar o elevador.

ICREA / BBC

Os participantes podiam voltar atrás no tempo e salvar 5 pessoas, sacrificando 1.

Os participantes podiam voltar atrás no tempo e salvar cinco pessoas, sacrificando uma.

Impacto

No mundo virtual, as pessoas podiam deslocar-se e conversar livremente, de forma semelhante à vida real.

O mais interessante, segundo os investigadores, foi o impacto emocional que a experiência virtual teve sobre os participantes.

A maioria teve menos sentimentos de culpa e remorsos depois de “voltar atrás no tempo” e salvar mais vidas.

“Quanto mais sentiam a ilusão, maior o sentido da sua própria moral”, explica à BBC oum dos autores do estudo, Mel Slater, investigador do ICREA – Instituto Catalão de Pesquisa e da University College London.

“Na realidade virtual, o sistema mais superficial de percepção do cérebro não distingue entre o mundo virtual e o real. E o cérebro considera verdadeiro o que vê e ouve no ambiente”, diz Slater.

Por isso, a equipa afirma que as viagens virtuais no tempo podem ajudar as pessoas a superar transtornos de stress pós-traumático ou mesmo a reavaliar más decisões que tenham tomado anteriormente.

Segundo as leis da física, é claro, a viagem no tempo é algo impossível.

Mas o autor principal do estudo, Friedman Doron, da Faculdade Ofer de Comunicações, em Israel, diz que a sua equipa chegou o mais perto possível de a tornar possível.

“A realidade virtual imersiva é muito visceral. As pessoas escondem-se atrás da mesa quando levam um tiro. É o mais próximo que podemos chegar de uma viagem no tempo – pelo menos até que os físicos façam o seu trabalho e inventem uma verdadeira máquina do tempo”, diz Doron.

ICREA / BBC

Os estudos mostram que as pessoas sentem, nos mundos virtuais, um forte sentido de domínio e propriedade do seu corpo

Os estudos mostram que as pessoas sentem, nos mundos virtuais, um forte sentido de domínio e propriedade do seu corpo

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Tempestade “Glória” faz pelo menos nove mortos em Espanha

Pelo menos nove pessoas morreram e outras quatro estão dadas como desaparecidas em Espanha na sequência da passagem da tempestade “Glória”, intempérie que atinge o país desde o passado fim de semana. As autoridades confirmaram cinco …

Há um "milagre da multiplicação" dos votos que os deputados querem travar

Todos os partidos concordam: é preciso travar o "milagre da multiplicação" dos votos na Assembleia da República. Estabelecer regras objetivas para o fazer é o mais complicado. Os deputados começaram esta quarta-feira a discutir como “regrar” …

Pensões entre 877 e 2600 euros têm aumento mínimo de 6,14 euros

Os pensionistas que ganham entre 877,6 e os 2558 euros brutos por mês vão ter aumentos acima dos 0,24% que inicialmente se calculou com base na taxa de inflação (sem habitação) apurada até novembro do …

PCP quer travar "ameaça de despejos" no final deste ano

O PCP entregou uma proposta de alteração ao Orçamento do estado para 2020 para manter congeladas as rendas antigas, quando os locatários tenham um rendimento inferior a cinco salários mínimos nacionais. O PCP quer manter congeladas …

CDS/Congresso: Carlos Meira disponível para acordo que vença João Almeida

Carlos Meira, candidato à liderança do CDS-PP, admite estar disponível para se unir a Filipe Lobo d'Ávila e Francisco Rodrigues dos Santos para vencer João Almeida e lutar "contra o sistema". Carlos Meira, militante de Viana …

Manuais gratuitos também no privado e no cooperativo. Iniciativa Liberal quer igualdade na Educação

O Iniciativa Liberal (IL) propôs uma alteração ao Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) na área da educação, que passa por fornecer manuais escolares gratuitos a todos os alunos da escolaridade obrigatória, quer frequentem o ensino …

Bezos lembra que Governo saudita assassinou um jornalista. ONU pede investigação a pirataria

Dois peritos das Nações Unidas dizem que Mohammed Bin Salman acedeu a informações pessoais de Jeff Bezos para tentar influenciar cobertura do The Washington Post sobre a Arábia Saudita. Depois de uma investigação do The Guardian …

MAI abre inquérito à "atuação policial" no caso da mulher alegadamente agredida por agente da PSP

O Ministério da Administração Interna (MAI) já abriu um inquérito à "atuação policial" no caso da mulher alegadamente agredida por um agente da PSP, na Amadora, de maneira a apurar responsabilidades. "O Ministro da Administração Interna …

Ronaldo volta a marcar e Sarri só tem de agradecer a Dolores por criar um espécime assim

Cristiano Ronaldo leva quatro jogos consecutivos a marcar e mais de 30 golos esta temporada, entre clube e seleção. Sarri disse que o mérito é de Dolores, "por criar uma espécime assim". A Juventus derrotou, esta …

Ana Gomes apontada à Presidência. "Costa jamais permitirá"

O antigo eurodeputado socialista Francisco Assis lançou o nome da também antiga eurodeputada do PS Ana Gomes como possível candidata à Presidência da República, manifestando desde logo o seu apoio a uma eventual candidatura. "Acho …