Turistas brasileiros já estão no top 3 dos que mais visitam Portugal

O Brasil subiu de sexto para terceiro país emissor de turistas para Portugal em seis anos, mas é ainda um grande mercado que regiões como o Douro querem explorar cada vez mais.

É por isso que a Associação dos Empresários Turísticos do Douro e Trás-os-Montes (AETUR) está a realizar durante esta semana, no Rio de Janeiro, a iniciativa “Há um rio que começa no Douro e termina no Brasil“.

O objetivo é promover o território português nas suas diversas vertentes: vinho, turismo e cultura.

Num dos locais mais visitados do Rio de Janeiro, no morro da Urca, que tem vista para toda a cidade, decorreu uma ação que teve como protagonista o Douro e que juntou operadores turísticos, representantes de agências de viagem, jornalistas e bloggers.

“O Brasil é um país estratégico na política turística portuguesa. É um país que evidenciou um crescimento muito grande nos últimos anos, tendo passado de sexto país mercado emissor para terceiro”, afirmou à agência Lusa o secretário-geral da AETUR, Alberto Tapada.

O responsável falou “num crescimento assinalável de 135%”, o que considerou ser “um dado extraordinário no potencial do país”.

Em 2007, visitaram Portugal cerca de 100 mil turistas brasileiros, número que ultrapassou, em seis anos (2013), os mais de 250 mil.

À frente do Brasil estão apenas Espanha e França como principais países emissores.

“Sem dúvida que é já um grande crescimento, mas podemos considerar que, à escala do mercado brasileiro, ainda representa uma fatia muito reduzida do mercado e há, por isso, uma grande margem de progressão”, afirmou Alberto Tapada.

O secretário-geral da AETUR salientou que o “turismo é efetivamente uma fileira económica, social e cultural a explorar”.

“Esta ação no Rio de Janeiro insere-se dentro dessa estratégia combinada e múltipla de evidenciar o Douro através daquilo que nós consideramos que são as suas componentes principais”, salientou.

Na bagagem para o Brasil, a AETUR trouxe preparados 36 circuitos turísticos para distribuir pelos operadores turísticos brasileiros.

Em comum têm o facto de começarem no Porto, a porta de entrada, subindo depois para o Douro seguindo depois a rota que os visitantes preferirem, a dos vinhos ou gastronomia, da natureza e paisagem ou cultural e patrimonial.

Em Portugal há cada vez mais turistas brasileiros e também no também no Museu do Douro, sediado no Peso da Régua, entram muitos provenientes do Brasil, país que ocupa o quarto lugar no número de visitantes neste espaço, a seguir aos Estados Unidos da América (EUA), Grã-Bretanha e França.

“Sente-se que o turismo brasileiro vem a crescer todos os anos. Cada vez são mais e representam um turismo de qualidade. São curiosos, querem conhecer o vinho e a região e têm um grande poder de compra”, salientou o diretor desta unidade museológica, Fernando Seara.

O responsável referiu que a loja do museu é um grande atrativo para os brasileiros. “O que é importante em termos de receita para nós e eles trazem um pouco da nossa história para aqui. São também pessoas muito apreciadoras do vinho, que é um novo mundo para eles”, frisou.

Fernando Seara sublinhou que estes turistas querem conhecer a região nas suas várias vertentes.

“Vão à procura do património, dos vinhos e são pessoas que se aproximam muito de quem vive no Douro. Um turismo que fala, que se envolve, que procura os sítios típicos, que vai às tasquinhas almoçar, que gosta das aldeias e que se envolve com a realidade da região “, sustentou.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Falta de meios dificulta marcação de testes à Covid-19

Os utentes do Norte referenciados pelas autoridades de saúde para fazerem o teste à Covid-19 estão a ter grandes dificuldades na marcação nos laboratórios recomendados, devido ao disparo na procura e ao facto de a …

"Impõe-se manter as medidas de contenção", diz Marcelo

O Presidente da República afirmou esta terça-feira que se impõe manter as medidas de contenção que vigoram em Portugal, referindo que essa foi uma opinião unânime na segunda reunião técnica sobre a situação da covid-19 …

Crise poderá levar a Juve a vender Ronaldo por 70 milhões

A crise financeira causada pela pandemia de covid-19 poderá "obrigar" a Juventus a vender Cristiano Ronaldo por 70 milhões de euros, avança a imprensa italiana, frisando que existem mais dois cenários em cima da mesa. O …

Pavilhão Rosa Mota transformado em "Hospital de Missão" com 300 camas

O Pavilhão Rosa Mota, no Porto, entrará, na próxima semana, em funcionamento como “Hospital de Missão” e, com 300 camas, servirá para acolher doentes com poucos sintomas de covid-19 ou até assintomáticos sem “retaguarda familiar”. “Trata-se …

Maduro acusa EUA de provocarem "perigoso momento de tensão" no continente

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, enviou na segunda-feira uma carta aos governantes internacionais, alertando que os Estados Unidos (EUA), ao oferecerem uma recompensa por informações que levem à sua detenção, conduzem a "um perigoso …

Prestações ao banco vão subir para quem recorrer à moratória

As prestações dos créditos à habitação vão subir para empresas e clientes particulares que pedirem a sua suspensão no âmbito da moratória criada pelo Governo. Os juros vencidos durante os seis meses da moratória serão …

BE e PCP querem isenção do pagamento de propinas durante estado de emergência

O Bloco de Esquerda e o Partido Comunista Português consideram que os alunos do Ensino Superior devem ficar isentos do pagamento de propinas durante o estado de emergência. Tanto o BE como o PCP sempre defenderam …

Menina de 12 anos morre na Bélgica vítima da covid-19

Uma menina de 12 anos morreu esta segunda-feira na Bélgica devido à pandemia de covid-19, anunciaram esta terça-feira as autoridades de saúde deste país. "É um caso muito raro, mas que nos afeta muito, é um …

"Bomba" de Graça Freitas rebentou-lhe nas mãos. Governo rejeita cerco sanitário ao Porto

O Secretário de Estado da Saúde, António Sales, rejeitou, nesta terça-feira, a possibilidade de impor um cerco sanitário ao Porto. Esta hipótese foi avançada pela directora-geral da Saúde, Graça Freitas, e foi fortemente criticada por …

Novo máximo diário. Covid-19 mata mais 849 pessoas em Espanha

Espanha registou, nas últimas 24 horas, 849 mortos com o novo coronavírus, um novo recorde de falecidos num só dia, elevando o balanço total para 8189. Os números do Ministério da Saúde espanhol revelam ainda um …