Pandemia gera corrida mundial por cobaias geneticamente modificadas

theglobalpanorama / Flickr

O Jackson Laboratory, nos Estados Unidos, tem registado uma enorme procura por cobaias de laboratório geneticamente modificadas para que pudessem ser utilizadas em procedimentos experimentais que visam combater a covid-19. 

O instituto Fiocruz Minas, no Brasil, é um dos nomes que consta na lista do laboratório norte-americano: em meados de abril, pediu três casais de ratos de laboratório modificados geneticamente, um dos poucos do mundo capazes de serem infetados pelo novo coronavírus, conta a emissora britânica BBC.

A enorme procura pelos “ratinhos” do Jackson Laboratory acontece porque a cobaias normais não são suscetíveis ao vírus que causa a covid-19 – por isso, os “ratinhos” de laboratório comuns são quase totalmente inúteis na luta contra a pandemia.

Mesmo em contacto direto com o agente patogénico, a probabilidade de estes animais ficarem doentes com o vírus é muito pequena.

Por isso, o k18-hACE2, como foi batizada a variante genética vendida pelo laboratório, foi modificado especialmente para conseguir ser infetado pelo Sars-Cov-2 — e, por isso, tornou-se num ingrediente fundamental nos estudos que estão a ser levados a cabo.

A lista de interessados nestes espécimes é grande, uma vez que este laboratório norte-americano é um dos únicos do mundo a produzir estes animais numa escala comercial.

A emissora britância explica ainda que as cobaias modificadas geneticamente receberam o gene humano para o recetor ECA2, proteína que é a principal porta de entrada do novo coronavírus, que surgiu na China em dezembro passado, nas células humanas.

O Sars-Cov-2 liga-se à proteína ECA2, que fica na superfície da célula, como se tratasse de uma chave numa fechadura, facilitando a sua entrada. Depois de entrar no organismo humano,  o vírus utiliza a estrutura celular para se reproduzir, depois destrói-a e passa a infetar outras células, usando-as como uma “fábrica” de novos vírus.

A pandemia do novo coronavírus já causou a morte a pelo menos 584.355 pessoas e infetou mais 13,5 milhões em todo o mundo, desde dezembro, segundo a AFP.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …

Governo das Ilhas Salomão quer banir o Facebook para preservar a União Nacional

O Governo das lhas Salomão quer banir temporariamente a rede social Facebook numa tentativa de combater o cyberbullying e a difamação, alegando que a plataforma está a "minar" a União Nacional. A decisão, que já …

Sob o nariz dos militares norte-coreanos, ex-ginasta salta muro de 3 metros e foge para a Coreia do Sul

Um homem norte-coreano que queria escapar da sua terra natal deu um salto de quase três metros num muro no início deste mês. O salto, que ocorreu sob os narizes dos soldados, trouxe-o para a …

Islândia quer tornar-se um refúgio para o teletrabalho. Mas não é para todos

A Islândia fez uma série de alterações no seu programa de vistos de trabalho remoto para cidadãos foram do espaço Schengen, tendo como objetivo tornar-se num destino atraente para os trabalhadores que procuram escapar dos …