Descoberta mutação genética que separa os humanos dos Neandertais

Uma equipa de investigadores do Instituto Skolkovo de Ciência e Tecnologia (Skoltech), na Rússia, descobriu um mecanismo único em funcionamento no ADN dos seres humanos que ajudou a moldar a evolução da nossa espécie.

Num comunicado divulgado esta semana no site do Skoltech, os investigadores sugerem que a mutação genética em causa pode ter ajudado os humanos a tornarem-se mais inteligentes e mais adaptáveis do que espécies semelhantes que não sobreviveram na era moderna.

Segundo o Ancient-Origins, este mecanismo envolve uma mutação no código genético humano que afeta o metabolismo no cérebro e que não foi encontrada no ADN de outras espécies primatas, como os Neandertais e os Denisovanos.

Os investigadores procuraram perceber como é que o metabolismo pode ter afetado a evolução de espécies primatas ao longo de milhões de anos. Os resultados foram publicados recentemente na revista científica eLife.

Os autores descobriram que a mutação genética encontrada exclusivamente em seres humanos diminui a atividade de uma enzima chamada Adenilosuccinato liase (ASL), que pode ser encontrada dentro do ADN de todas as espécies de primatas do passado e do presente.

Esta enzima ajuda a iniciar e controlar a produção de um composto químico conhecido como purina, que está envolvido numa variedade de processos metabólicos no corpo.

A mutação em humanos tornou a enzima menos estável e funcional, reduzindo a sua capacidade de produzir purina, resultando numa menor concentração no cérebro comparativamente às outras espécies.

“O estudo da composição metabólica dos tecidos pode dar pistas sobre por que as mudanças funcionais ocorrem em humanos”, explicou Vita Stepanova, autora principal do artigo. “Estou muito satisfeita por termos conseguido prever as características metabólicas dos humanos modernos e validar as nossas hipóteses em modelos de ratos e células, embora não tivéssemos ‘Neandertais vivos’ para trabalhar”.

Os humanos modernos divergiram dos Neandertais e Denisovanos há 600 mil anos. Se os autores estiverem corretos, esta mutação deve ter acontecido neste período.

A purina é produzida pelo corpo, mas também pode ser encontrada em alimentos ricos em proteínas, como carnes vermelhas ou peixe. O consumo excessivo de purina tem sido associado a doenças cardíacas, doenças renais e diabetes, entre outras condições graves.

Não é claro como é que isto se pode relacionar com a saúde ou inteligência das espécies que produziram naturalmente mais purina nos seus corpos. O que sabemos é que os seres humanos sobreviveram e os Neandertais e Denisovanos não.

Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

12 COMENTÁRIOS

  1. Esses dois ramos não sobreviveram porque o homo sapiens os exterminou. Pelos vistos, somos menos “puros”. Passe-se – ou talvez não – o clichê moral e religioso xD

    • Com tantas certezas porque não joga no euromilhões? Com a fortuna ganha até podia matricular-se num curso superior e aprender a não dizer tantas asneiras…

  2. E eu a pensar que os Neandertais ainda cá estavam e a grande maioria concentrada naquela zona chamada de … russia

    • Como a lei não permite que se diga mal de negros e de homossexuais, os primitivos agora descobriram que podem dizer mal à vontade dos russos. A irracionalidade é a mesma mas fica-se protegido de processos criminais…

    • Ao contrário da religião, que é baseada nas certezas que a fé sempre dá, a Ciência é baseada nas incertezas das conclusões que se podem tirar a partir dos dados que temos disponíveis — e até que surjam outros.

  3. “a mutação genética encontrada exclusivamente em seres humanos”
    “outras espécies primatas”
    Estamos a falar do homo sapiens, do homo neanderthalensis e do homo denisova, não é verdade? Todos eles seres da espécie homo, não é verdade? Portanto, todos eles seres humanos!

RESPONDER

Hong Kong. Veredicto de culpado no primeiro julgamento sob a lei de segurança nacional

A primeira pessoa acusada e julgada de acordo com a lei de segurança nacional de Hong Kong foi esta terça-feira considerada culpada de terrorismo e incitação à secessão, numa decisão histórica que estabelece um precedente …

Medina queixa-se dos juízes: "Há coisas que não dá para entender"

Dia de emoções diferentes para o Brasil, no surf. O primeiro campeão olímpico na modalidade é brasileiro mas Gabriel Medina nem chegou à final; e não gostou da pontuação na meia-final. Aí está a primeira medalha …

Estado demora dois anos a pagar aos fornecedores

Atrasos nos pagamentos têm vindo a diminuir, com muitos organismos a conseguir cumprir os 60 dias previstos pela lei. À semelhança do que acontece com os prazos, também os valores em dívida apresentam uma tendência …

Ministra da Saúde abre a porta à presença de público na Supertaça

A Supertaça, entre Sporting e Sporting de Braga e agendada para sábado, pode vir a ter adeptos nas bancadas, admitiu a ministra da Saúde, esta terça-feira, descrevendo o jogo como um possível "evento-teste". "Em relação ao …

Escolas avançam para a "desmaterialização dos manuais"

"As escolas estão já a avançar para a desmaterialização dos manuais e materiais clássicos da aprendizagem", indicou esta segunda-feira o vice-presidente da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas (ANDAEP), David Sousa, a …

Marcelo sai do Infarmed "irritantemente otimista". "Onde avança a vacina, o vírus recua"

O Presidente da República elogiou, esta terça-feira, o processo de vacinação, considerando que "é excecional" o ritmo a que tem avançado, e declarou-se "irritantemente otimista", expressão que antes atribuía ao primeiro-ministro. "Eu agora também estou, como …

EUA. Casos de covid-19 podem ter sido subestimados em 60%

O número de casos de covid-19 nos Estados Unidos (EUA) pode ter sido subestimado em até 60%, com as infeções relatadas a representarem "apenas uma fração do número total estimado". Esta é a conclusão de um …

Portugal com mais seis mortes e 2316 novos casos de covid-19

Portugal registou, esta terça-feira, mais seis mortes e 2316 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 2316 novos …

Um quarto dos processos às companhias aéreas por falta de testes à covid já resultou em multas pagas

A Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) instaurou, entre 2020 e a semana passada, 539 processos a 40 companhias aéreas por transportarem passageiros para o território nacional sem o respetivo teste negativo à covid-19. Cerca …

Colômbia pede que a Venezuela seja declarada como país promotor do terrorismo

A Colômbia pediu esta segunda-feira aos EUA que declarem a Venezuela como país promotor do terrorismo por alegadamente "proteger" guerrilheiros colombianos do Exército de Libertação Nacional (ELN) e do Grupo Armado Residual (Gaor 33, composto …