Fóssil de dinossauro dá novas pistas sobre como estes animais acasalavam

É verdade que já sabemos muitas coisas sobre dinossauros – como eram, o que comiam e a causa da sua extinção. Mas nenhum fóssil nos permitiu ainda perceber coisas tão simples como, por exemplo, em que moldes faziam xixi, cocó ou até como acasalavam.

Mas agora, conta a CNN, um fóssil de um psitacossauro encontrado na China, já há alguns anos, do tamanho de um cão da raça labrador, parece estar tão bem preservado que a abertura por onde o dinossauro expelia as suas secreções está a permitir a uma equipa de paleontólogos estudá-lo pela primeira vez.

Embora não ofereça nenhuma resposta concreta sobre como os dinossauros podem ter procriado, esta cloaca (câmara comum para os sistema digestivo, excretor e reprodutor de muitos pássaros e répteis) já nos dá algumas dicas.

“É algo único. A maioria das cloacas forma uma espécie de fenda e existem variados formatos. Esta apresenta uma estrutura em forma de V com um par de lábios alargados. Não há grupos vivos de animais com esta morfologia. É de alguma forma semelhante aos crocodilos, mas ainda assim única”, afirma Jakob Vinther, paleontólogo e professor sénior da Escola de Ciências da Terra da Universidade de Bristol, no Reino Unido.

O estudo, publicado esta terça-feira na revista científica Current Biology, sugere ainda que os grandes lóbulos pigmentados de cada lado da abertura poderiam abrigar glândulas odoríferas, tal como acontece com os crocodilos.

Além disso, as margens externas da cloaca são altamente pigmentadas com melanina, o que teria contrastado com o pálido baixo-ventre do dinossauro. A distinta pigmentação pode significar que esta abertura foi usada para o dinossauro se exibir, característica semelhante à de alguns babuínos e salamandras reprodutoras.

Segundo o canal televisivo, tendo em conta que em animais com cloacas os órgãos genitais ficam dentro do corpo, e como neste caso não foram preservados, os cientistas não sabem dizer se este dinossauro em particular era macho ou fêmea.

A grande maioria dos pássaros, considerados os únicos parentes vivos dos dinossauros, acasala por “beijo cloacal”, ou seja, pressionando as suas aberturas. E, por isso, alguns paleontólogos pensam que os dinossauros também podem ter acasalado assim.

Vinther, porém, acredita que este dinossauro teria pénis, pois a cloaca fossilizada é mais parecida com a de um crocodilo, que efetivamente tem esse órgão reprodutor, e porque existem alguns pássaros, tal como avestruzes e patos, que também o têm.

“Pelo que podemos ver, esta cloaca não seria adequada para beijos cloacais. Mas antes sexo com penetração”, concluiu o cientista.

“Como paleoartista, foi absolutamente incrível ter a oportunidade de reconstruir uma das últimas características remanescentes sobre as quais não conhecíamos nada nos dinossauros”, afirma Robert Nicholls, outro dos autores do estudo e o responsável pela ilustração que faz o destaque deste artigo, em comunicado.

“Saber que pelo menos alguns dinossauros se sinalizavam uns aos outros dá aos paleoartistas uma liberdade emocionante para especular sobre toda uma variedade de interações agora plausíveis durante o cortejo dos dinossauros. É uma mudança no jogo!”

Filipa Mesquita, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Mais 13 mortes e 3452 casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou, esta quarta-feira, mais 13 mortes e 3452 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 3452 novos …

MPT junta-se a PDR e pedem que Nós, Cidadãos! seja banido das autárquicas pelo TC

O MPT juntou-se ao PDR e ambos pedem que o Nós, Cidadãos! seja impedido de "apresentar candidaturas" às eleições autárquicas de setembro. Em junho, o PDR deu entrada com um pedido no Tribunal Constitucional (TC) para …

Relatório revela envolvimento da Igreja Católica em 100 casos de pedofilia na Polónia

Uma comissão estatal que analisou as denúncias de crimes de pedofilia registadas na Polónia entre 2017 e 2020 denunciou na terça-feira que quase um terço dos casos estudados, num total superior a 300 processos, envolvem …

Polícias voltam aos protestos por causa do subsídio de risco em dia de nova reunião com o Governo

Elementos da PSP e da GNR voltam esta quarta-feira aos protestos por causa do subsídio de risco, uma concentração que vai decorrer enquanto os sindicatos e associações socioprofissionais estão reunidos no Ministério da Administração Interna …

Vieira continua em domiciliária. MP vai pedir reforço de garantias de caução

O Ministério Público (MP) vai pedir reforço de garantias de caução por entender que o uso das ações da SAD do Benfica não é a forma apropriada. O Correio da Manhã avança, esta manhã, que o …

Investigadores suecos pagam 23 dólares a quem se vacinar contra a covid-19

Recompensa surge no âmbito de uma pesquisa que pretende avaliar o nível de eficácia de diferentes incentivos à vacinação contra a Covid-19. O estudo conta com a participação de 8.200 voluntários com menos de 60 …

Costa diz que Estado se curva "perante a memória" de Otelo. Mas BE condena ausência de luto nacional

O primeiro ministro, António Costa, e o presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, decidiram não declarar luto nacional pela morte de Otelo Saraiva de Carvalho, Capitão de Abril. A líder do BE e o …

Catarina Martins volta a bater o pé e Jerónimo sublinha: "Ainda não há Orçamento"

Marcelo Rebelo de Sousa recebeu, esta terça-feira, o Bloco de Esquerda, o PCP e o CDS, em mais uma ronda de reuniões com os partidos com assento parlamentar. Se o objetivo do Presidente da República era …

Simone Biles, Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

Simone Biles. O ouro olímpico não é sinónimo de paz, muito menos interior

Na sequência do escândalo Nassar, a opinião pública dos EUA concordou que não valia tudo no caminho até ao ouro olímpico — principalmente quando está em causa a dignidade humana. Com a sua principal estrela …

"Sinto que desci ao inferno". Polícias recordam ataque ao Capitólio

"É assim que vou morrer", "sinto que desci ao inferno" e "corri o risco de ser morto" são alguns dos relatos de polícias que presenciaram a invasão ao Capitólio. Começaram as audiências na comissão da Câmara …