Cientistas mais perto de produzir na Terra a fusão nuclear gerada pelo Sol

Produzir na Terra uma energia semelhante à que é gerada pelo Sol seria um feito extraordinário, uma vez que libertaria o nosso planeta de energias poluentes e não renováveis. Apesar de difícil, os cientistas estão mais perto de a alcançar.

A conclusão é da revista Forbes que dá conta que estão a ser conduzidos vários estudos, em diferentes partes do mundo, que visam replicar a fusão nuclear do Sol para a Terra. “O Sol é a fonte de quase toda a energia”, pode ler-se na publicação que sublinha a forma “fascinante” como o nosso astro cria energia.

De forma simples, a fusão é a forma perfeita de criar energia através de uma reação: transforma pequenas quantidades de matéria em enormes quantidades de energia.

Ao contrário da fissão nuclear, que separa átomos pesados criando produtos potencialmente radioativos, a fusão nuclear funde, tal como indica o nome do processo, os átomos leves e cria – no caso do hélio – um hélio estável.

Para replicar esta fusão é necessário recorrer a “blocos de construção” maiores, uma vez que os cientistas pretendem acelerar um processo que o Sol levou milhões de anos para atingir. Por isso, para gerar hélio a partir do hidrogénio, os cientistas têm usado dois tipos de hidrogénio pesados, como o deutério e o trítio. A combinação destes elementos produz hélio e um neutrão energético, cuja energia é depois extraída para gerar turbinas elétricas.

Contudo, é complicado importar as condições do Sol para a Terra. Apesar de os cientistas terem os elementos, é necessário atingir uma temperatura de 100 milhões de graus para que a fusão ocorra. Os cientistas conseguiram aproximar-se destas temperaturas graças ao desenvolvimento de dois métodos.

O confinamento inercial é um dos processos, que recorre a lasers poderosos para aquecer e pressurizar um material, fazendo com que os grânulos de combustível finalmente explodam. O outro procedimento é o confinamento magnético, que usa ímanes para pressionar o plasma das paredes do seu recipiente, de forma a que este possa ser aquecido a altas temperaturas por métodos externos.

As investigações e os estudos têm ainda um longo caminho a percorrer, mas os cientistas têm investido nesta área porque sabem que alcançar a fusão nuclear significaria alcançar uma fonte de energia inesgotável e limpa.

Contributo da China

A China é um dos países que trabalha com este tipo de tecnologia, planeando finalizar antes do fim deste ano o desenvolvimento de um sol artificial que visa gerar energia renovável e quase infinita. Para isso, o país recorrerá a uma fusão nuclear controlada, com a qual tentará repetir o processo que ocorre em estrelas como o Sol.

O projeto, batizado de HL-2M Tokamak, tem como objetivo fazer com que a temperatura do plasma ultrapasse os 100 milhões de graus.

Também na Alemanha se juntam esforços em prol da fusão nuclear. Cientistas do Instituto Max Planck de Física de Plasmas conseguiram que o seu reator estelar elevasse a temperatura do plasma até 40 milhões de graus.

Por sua vez, Europa e Japão constroem conjuntamente o reator Tokamak JT-60SA, que procura também gerar energia limpa e renovável, enfrentando o desafio de atingir 100 milhões de graus de temperatura.

Pode ser um caminho longo, recorda a Forbes, mas estamos mais próximos de conseguir replicar as condições solares na Terra. “Certamente percorremos já um longo caminho desde que o Homem antigo adorou o Sol como portador de vida”, remata a revista.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Eu não pensei que as coisas andasse tão rápido. Tinha esperança de que os homens compreendessem o perigo de suas experiências mais me enganei,ninguém foge do destino.essa experiência vai destruir o nosso planeta.e o fim de tudo que existe aqui na terra.

    • Qual experiência vai destruir nosso planeta? A fusão nuclear é sem riscos e nos livrará dos combustíveis poluentes… Parece que não leu a reportagem…

  2. só explicando pra galera que tem medo diferente da reação nuclear em usinar normais se algo dar errado “explode” e solta radiação a fusão não tem isso pois cada reação dura em torno de 1 segundo e se algo sair de errado em menos de 1 segundo tudo desmorona ou seja o processo para de imediato não tem risco o resíduo que sai é hélio

RESPONDER

Num jardim zoológico da Austrália, há concertos ao vivo (para entreter os elefantes)

https://vimeo.com/372400002 O jardim zoológico de Melbourne está a desenvolver um programa mundial de músicos para tocar para a sua multigeracional manada de elefantes asiáticos em perigo de extinção para que melhore a ligação entre os seis …

Montijo: ANA pede mais tempo para analisar medidas de mitigação ambiental

A ANA – Aeroportos de Portugal pediu à Agência Portuguesa do Ambiente (APA) uma prorrogação do prazo para analisar as medidas de mitigação propostas pela entidade na Declaração de Impacte Ambiental (DIA) do futuro aeroporto …

Sérgio Conceição ultrapassa número de jogos de José Mourinho

No jogo deste domingo, que o FC Porto acabou por vencer o Boavista com um golo solitário de Alex Telles, Sérgio Conceição cumpriu o seu 128.º jogo como treinador dos dragões - mais uma partida …

Governo australiano acusado de censurar livro sobre história de Timor-Leste

O Ministério dos Negócios Estrangeiros australiano está alegadamente a tentar censurar partes do primeiro de dois volumes da história de operações militares em Timor-Leste, o dedicado à Força Internacional para Timor-Leste (Interfet), segundo revelou a imprensa …

Norte-americanos acordaram com mensagens de texto estranhas nos seus telemóveis

Na passada quinta-feira, uma grande parte da população norte-americana recebeu mensagens estranhas e inexplicáveis, muitas das quais desconfortáveis e até preocupantes. Stephanie Bovee, uma norte-americana de 28 anos de Portland, no oeste dos Estados Unidos, acordou …

Pai que fugiu por 15 países com os dois filhos no ano passado encontrado pela PSP

O pai mudou 15 vezes de país com as crianças desde o verão passado sempre sem o consentimento da mãe e sem que a mãe tivesse qualquer notícia do paradeiro dos filhos, revela a PSP. A …

Daesh está a tentar criar um novo Estado islâmico nas Filipinas

Há dois anos que a bandeira negra do Daesh deixou de esvoaçar no topo de um edifício da cidade de Marawi, em Mindanau, no sul das Filipinas, e o Presidente, Rodrigo Duterte, declarou tê-lo derrotado. …

Operação Marquês. Ex-secretário de Estado de Passos Coelho chamado como testemunha

O juiz de instrução da Operação Marquês, Ivo Rosa, decidiu chamar o ex-secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações Silva Monteiro como testemunha, avança a SIC Notícias. Segundo apurou a estação televisiva, o ex-governante …

Apple e Goldman Sachs acusados de terem criado cartão de crédito sexista

A Apple e o Goldman Sachs estão a ser acusados de terem lançado um cartão de crédito que discrimina os utilizadores em função do género. Um dos últimos a juntar ao rol de críticas ao Apple …

Grimaldo joga consecutivamente há 68 jornadas (só é ultrapassado por um guarda-redes)

Alejandro Grimaldo está há 68 jornadas a jogar consecutivamente a titular na lateral esquerda do Benfica - são dois anos sem descanso. Os números são avançados pelo desportivo A Bola, que dá conta que o lateral-esquerdo …