Cientistas mais perto de produzir na Terra a fusão nuclear gerada pelo Sol

Produzir na Terra uma energia semelhante à que é gerada pelo Sol seria um feito extraordinário, uma vez que libertaria o nosso planeta de energias poluentes e não renováveis. Apesar de difícil, os cientistas estão mais perto de a alcançar.

A conclusão é da revista Forbes que dá conta que estão a ser conduzidos vários estudos, em diferentes partes do mundo, que visam replicar a fusão nuclear do Sol para a Terra. “O Sol é a fonte de quase toda a energia”, pode ler-se na publicação que sublinha a forma “fascinante” como o nosso astro cria energia.

De forma simples, a fusão é a forma perfeita de criar energia através de uma reação: transforma pequenas quantidades de matéria em enormes quantidades de energia.

Ao contrário da fissão nuclear, que separa átomos pesados criando produtos potencialmente radioativos, a fusão nuclear funde, tal como indica o nome do processo, os átomos leves e cria – no caso do hélio – um hélio estável.

Para replicar esta fusão é necessário recorrer a “blocos de construção” maiores, uma vez que os cientistas pretendem acelerar um processo que o Sol levou milhões de anos para atingir. Por isso, para gerar hélio a partir do hidrogénio, os cientistas têm usado dois tipos de hidrogénio pesados, como o deutério e o trítio. A combinação destes elementos produz hélio e um neutrão energético, cuja energia é depois extraída para gerar turbinas elétricas.

Contudo, é complicado importar as condições do Sol para a Terra. Apesar de os cientistas terem os elementos, é necessário atingir uma temperatura de 100 milhões de graus para que a fusão ocorra. Os cientistas conseguiram aproximar-se destas temperaturas graças ao desenvolvimento de dois métodos.

O confinamento inercial é um dos processos, que recorre a lasers poderosos para aquecer e pressurizar um material, fazendo com que os grânulos de combustível finalmente explodam. O outro procedimento é o confinamento magnético, que usa ímanes para pressionar o plasma das paredes do seu recipiente, de forma a que este possa ser aquecido a altas temperaturas por métodos externos.

As investigações e os estudos têm ainda um longo caminho a percorrer, mas os cientistas têm investido nesta área porque sabem que alcançar a fusão nuclear significaria alcançar uma fonte de energia inesgotável e limpa.

Contributo da China

A China é um dos países que trabalha com este tipo de tecnologia, planeando finalizar antes do fim deste ano o desenvolvimento de um sol artificial que visa gerar energia renovável e quase infinita. Para isso, o país recorrerá a uma fusão nuclear controlada, com a qual tentará repetir o processo que ocorre em estrelas como o Sol.

O projeto, batizado de HL-2M Tokamak, tem como objetivo fazer com que a temperatura do plasma ultrapasse os 100 milhões de graus.

Também na Alemanha se juntam esforços em prol da fusão nuclear. Cientistas do Instituto Max Planck de Física de Plasmas conseguiram que o seu reator estelar elevasse a temperatura do plasma até 40 milhões de graus.

Por sua vez, Europa e Japão constroem conjuntamente o reator Tokamak JT-60SA, que procura também gerar energia limpa e renovável, enfrentando o desafio de atingir 100 milhões de graus de temperatura.

Pode ser um caminho longo, recorda a Forbes, mas estamos mais próximos de conseguir replicar as condições solares na Terra. “Certamente percorremos já um longo caminho desde que o Homem antigo adorou o Sol como portador de vida”, remata a revista.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Eu não pensei que as coisas andasse tão rápido. Tinha esperança de que os homens compreendessem o perigo de suas experiências mais me enganei,ninguém foge do destino.essa experiência vai destruir o nosso planeta.e o fim de tudo que existe aqui na terra.

    • Qual experiência vai destruir nosso planeta? A fusão nuclear é sem riscos e nos livrará dos combustíveis poluentes… Parece que não leu a reportagem…

  2. só explicando pra galera que tem medo diferente da reação nuclear em usinar normais se algo dar errado “explode” e solta radiação a fusão não tem isso pois cada reação dura em torno de 1 segundo e se algo sair de errado em menos de 1 segundo tudo desmorona ou seja o processo para de imediato não tem risco o resíduo que sai é hélio

RESPONDER

Argentina levanta restrições na capital. Rússia regista recorde de mortes diárias e aumenta contenção

A Argentina prorrogou esta semana as medidas para combater a pandemia de covid-19 nas zonas mais afetadas do país, ao mesmo tempo que prossegue a reabertura na capital, onde os casos têm vindo a diminuir. Desde …

Maioria dos portugueses defende Orçamento viabilizado à esquerda (e rejeita demissão do Governo)

Uma sondagem da Aximage para o Jornal de Notícias e a TSF revela que a maioria dos portugueses - cerca de 60% - defende que o Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) seja viabilizado com …

Ministro Manuel Heitor já não está infetado com covid-19

O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior já não está infetado com covid-19, depois de ter recebido, esta segunda-feira, um teste com resultado negativo. De acordo com o semanário Expresso, Manuel Heitor recebeu, ao final …

"Só aumentariam as insuficiências". Médicos respondem a carta aberta da Ordem que pede uso dos privados

Um grupo de médicos respondeu à carta aberta assinada pelo atual bastonário da Ordem dos Médicos e quatro ex-bastonários, que defendem uma maior utilização dos serviços de saúde privados para responder à situação gerada pela …

Ensaio clínico de tratamento com anticorpos cancelado por ineficácia

As autoridades norte-americanas decidiriam cancelar um ensaio clínico de um tratamento experimental com anticorpos que estava a ser administrado a doentes hospitalizados com covid-19, justificando que o medicamente não se revelou eficaz na recuperação dos …

Doentes não-covid vão ser encaminhados para setores privado e social

Esta segunda-feira, a ministra da Saúde admitiu que a pressão no Serviço Nacional de Saúde vai aumentar e garantiu que os doentes não-covid-19 que vejam consultas, exames ou cirurgias serem desmarcados serão encaminhados para os …

Crónica ZAP - Nota Artística por Nuno Miguel Teixeira

Nota artística: "É preciso o guarda-redes estar morto?"

https://soundcloud.com/nuno-teixeira-264830877/v-guimaraes-0-1-sp-braga-o-musical Dérbi. Segundo dérbi nesta sequência de musicais. O primeiro foi entre vizinhos que moram na mesma cidade; agora temos vizinhos que moram na mesma região. O Minho aquece, mesmo no outono, quando estes dois conjuntos se …

A partir de quarta-feira, é obrigatório o uso de máscara em espaços públicos

A partir de quarta-feira, é obrigatório o uso de máscara em espaços públicos e o não cumprimento desta imposição é punido com multas que vão até aos 500 euros, segundo a lei publicada, esta terça-feira, …

Lista de Bruno Costa Carvalho retira-se das eleições do Benfica

Bruno Costa Carvalho retirou a candidatura da lista C às eleições para os órgãos sociais, marcadas para quarta-feira, de forma a "não dividir" o voto da oposição a Luís Filipe Vieira. "Após ponderada reflexão, foi tomada …

Nem 8, nem 80. Centeno alerta para riscos na retirada precoce dos apoios (e do seu prolongamento)

O governador do Banco de Portugal (BdP), Mário Centeno, alertou esta terça-feira para os riscos de retirar de forma "precoce" as medidas de apoio ao emprego e ao crédito, bem como osperigos de os prolongar …