Empresa canadiana produz canábis medicinal no Alentejo em terras arrendadas ao Esporão

A empresa canadiana Tilray anunciou hoje ter arrendado 20 hectares de terras à empresa agrícola do Esporão, no concelho de Reguengos de Monsaraz (Évora), para produzir canábis medicinal, cuja plantação foi efetuada em julho.

O acordo de arrendamento relativo a estes 20 hectares de terreno ao ar livre no Alentejo foi assinado entre a Tilray Portugal, subsidiária da empresa canadiana, e o Esporão, foi hoje revelado.

“Os 20 hectares adicionais de espaço para cultivo ao ar livre aumentam a capacidade da empresa para fornecer canábis medicinal na Europa e noutros mercados internacionais”, destacou a Tilray, em comunicado.

A empresa, “pioneira mundial em pesquisa, cultivo, produção e distribuição de canábis medicinal”, possui também em Portugal cinco hectares de cultivo interior e exterior e um ‘campus’ em Cantanhede (Coimbra) destinado à produção, processamento e pesquisa.

“Com este acordo com o Esporão, ficamos com mais 20 hectares para plantação ao ar livre”, frisou à agência Lusa fonte da Tilray, revelando que a plantação “já foi feita em julho, com sucesso”, e que “a colheita deve acontecer em finais de setembro ou início de outubro”.

Segundo a Tilray, o Esporão é “uma das mais maiores e mais sofisticadas empresas agrícolas em Portugal” e vai fornecer “suporte operacional e técnico a uma equipa de especialistas” do grupo canadiano, “incluindo horticultores, produtores e gestores de qualidade”.

“Neste novo local de cultivo serão realizados o crescimento, a colheita e a secagem de materiais de canábis medicinal”, a transportar depois para Cantanhede, para “processamento, produção e distribuição em toda a Europa e outros mercados internacionais”, referiu.

Sascha Mielcarek, um dos responsáveis da Tilray na Europa, manifestou orgulho no aumento da capacidade da empresa para “produzir produtos médicos de canábis de alta qualidade na Europa, usando métodos inovadores de cultivo ao ar livre”.

Contactado pela Lusa, o Esporão explicou que a sua participação neste negócio “é exclusivamente ao nível de prestação de serviços” e salientou a importância do seu ‘know-how’ (conhecimento), já que a produção da Tilray é “ao ar livre e biológica”.

“Sentimos que o conhecimento agrícola e a experiência no Alentejo do Esporão, bem como a experiência global de canábis da Tilray, têm um potencial de criação de valor a longo prazo”, frisou o Esporão.

A produção de canábis medicinal não está a ser feita na herdade principal, mas numa outra propriedade da empresa no concelho de Reguengos de Monsaraz, “arrendada pela Tilray Portugal exclusivamente para o efeito”, frisou.

“O negócio do Esporão continuará a ser exclusivamente a produção, comercialização e distribuição de vinhos e azeites”, argumentou a empresa alentejana.

A Tilray foi o primeiro produtor de canábis medicinal a importar com sucesso produtos médicos de canábis para a União Europeia e o primeiro produtor licenciado de canábis medicinal na América do Norte a obter a certificação GMP de acordo com as normas da Agência Europeia de Medicamentos (EMA).

A fábrica de Cantanhede é a primeira em território nacional de produção de canábis medicinal, devendo assegurar 200 postos de trabalho até ao final do ano. Representa um investimento total de 20 milhões de euros.

O projeto da Tilray, cujo investimento a empresa se escusou a revelar, é o terceiro de produção de canábis medicinal a ser divulgado oficialmente para o Alentejo, estando anunciado um para Aljustrel (Beja), da empresa RPK Biopharma, da sociedade canadiana Flowr, e previsto outro para Campo Maior (Portalegre), da empresa Sababa Portugal.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

De portas abertas para quem precisa. Frigoríficos solidários crescem em Paris

A Cantina do 18.º bairro parisiense foi o primeiro espaço deste projeto solidário, inaugurado há dois anos. Atualmente existem 38 restaurantes em França que acolhem os frigoríficos solidários. Em dois anos, o projeto dos frigoríficos solidários …

Imigrante do Bangladesh em Itália encontra e devolve carteira com 2 mil euros

Mossan Rasal, um bangladeshiano de 23 anos que vive em Roma, encontrou na rua uma carteira com dois mil euros, documentos de identificação, cartões de crédito, carta de condução. Em vez de retirar o dinheiro e …

Austrália conclui que China foi responsável por ciberataque ao parlamento

A agência de inteligência cibernética da Austrália (ASD) concluiu que a China foi a responsável por um ataque informático, no início deste ano, contra o parlamento nacional. Os serviços de inteligência australianos (Australian Signals Directorate) concluíram …

"A bola apenas bateu no peito". VAR admite erro no penálti do Portimonense-FC Porto

O vídeo-arbitro do encontro entre Portimonense e FC Porto, Vasco Santos, admitiu esta quarta-feira que não existiu razão para assinalar grande penalidade a favor do clube portista. "No momento em que o árbitro apita fiquei com …

Na Índia, usar cigarros eletrónicos já pode dar prisão

O Governo indiano anunciou esta quinta-feira a proibição de cigarros eletrónicos no país, de 1,3 mil milhões de pessoas, numa ação que pretende ser a favor da saúde e contra os vícios. "A decisão foi tomada …

Iñaki Urdangarín pode sair da prisão dois dias por semana

Detido na cadeia de Brieva, Ávila, há 15 meses, Iñaki Urdangarín, cunhado do rei de Espanha, soube esta terça-feira que poderá sair da prisão duas vezes por semana para fazer voluntariado numa instituição que ajuda …

Criança com anemia aplástica grave submetida a transplante inédito em Portugal

Um menino de quatro anos com anemia aplástica grave foi submetido a um transplante com células estaminais de sangue do próprio cordão umbilical, um tratamento inédito em Portugal realizado no Instituto Português de Oncologia (IPO) …

Renováveis baixaram fatura da luz em 2,4 mil milhões na última década

A produção de eletricidade a partir de fontes renováveis permitiu ao sistema elétrico português acumular uma poupança de 2,4 mil milhões de euros ao longo dos últimos 10 anos. Esta é a principal conclusão de um …

Constitucional chumba barrigas de aluguer pela segunda vez

O Tribunal Constitucional chumbou, esta quarta-feira, pela segunda vez, o diploma do Parlamento sobre gestação de substituição, depois de um chumbo no ano passado. O BE apresentou uma proposta em que se previa "que a gestante …

Furacão Humberto ganha força a caminho das Bermudas

O furacão Humberto aumentou de intensidade nas últimas horas e atingiu a categoria 3 a caminho das Bermudas, informou o Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC) nesta quarta-feira. O terceiro furacão da temporada no Atlântico, …