Estudo mostra que os cães querem mesmo resgatar os seus donos do perigo

Um novo estudo mostra que os nossos amigos de quatro patas querem realmente salvar-nos em momentos de aflição, mas desde que saibam como o fazer.

De acordo com o site Science Alert, os investigadores reuniram 60 cães e colocaram os seus donos (que tinham de pedir socorro de forma autêntica) dentro de uma caixa grande, que tinha uma porta leve que poderia ser facilmente deslocada por estes animais.

“Cerca de um terço dos cães resgatou os seus donos, o que não parece assim muito impressionante por si só”, começa por dizer o psicólogo Joshua Van Bourg, da Universidade Estadual do Arizona, nos Estados Unidos.

“O importante aqui é que, sem controlar o entendimento de cada cão sobre como abrir a caixa, a proporção de cães que resgatou os donos subestima de forma significativa a proporção de cães que queria resgatá-los”, acrescenta.

Por outras palavras, o estudo, publicado na revista científica PLOS One, sugere que mais animais queriam resgatar os donos, simplesmente não sabiam como o fazer.

Num outro teste, os cientistas colocaram comida na caixa de forma a que os cães a vissem, sem o dono estar presente. 19 dos 60 cães recuperaram a recompensa, em comparação com os 20 do experimento anterior. Destes 19 animais, 16 também libertaram os seus donos da caixa no outro teste: uma taxa de acerto de 84%.

Depois, a equipa tentou perceber as motivações dos cães. Num teste, os donos não podiam chamar pelo nome dos seus cães – para garantir que estes não seguiam apenas ordens –, e noutro os donos simplesmente estavam a ler uma revista dentro da caixa para compará-lo com o teste em que ‘estavam em perigo’.

 

“Durante o teste de angústia, os cães ficaram muito mais stressados. Quando o dono estava angustiado, os cães latiram e choramingaram mais. Na verdade, houve oito cães que choramingaram, e fizeram-no durante esse teste. Apenas um outro cão choramingou, e por comida”, explica Van Bourg.

No teste em que os donos estavam dentro da caixa a ler, 16 dos cães abriram a porta para deixar o dono sair (ou para se aproximar dele). Os investigadores dizem que o simples facto de estar com o dono é uma forte motivação para os cães, mas saber que estão em perigo dá-lhes ainda mais urgência.

O facto de quase tantos cães abrirem a caixa para conseguir a comida como para resgatar os seus donos sugere que as duas ações são vistas como recompensadoras por estes animais de estimação.

“O fascinante deste estudo é que mostra que os cães realmente se importam com os seus donos. Mesmo sem treino, muitos vão tentar e resgatar pessoas que parecem estar em perigo – e quando falham, podemos ver o quanto ficam chateados”, declara o psicólogo Clive Wynne, outro dos autores do estudo.

“Posteriormente, queremos explorar se os cães que resgatam o fazem para se aproximar dos seus donos, ou se abririam na mesma a caixa, mesmo se isso não lhes dê a oportunidade de se reunir com eles”, explica.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Informações contraditórias. Autoridades belgas não confirmam morte de portugueses em Antuérpia

Apesar de três portugueses terem sido dados como mortos, as autoridades no local onde ruiu um prédio em construção em Antuérpia, na Bélgica, não confirmam a nacionalidade lusa, nem a existência de três vítimas mortais, …

António Joaquim entregou-se para cumprir 25 anos de prisão pela morte de Luís Grilo

António Joaquim apresentou-se hoje num estabelecimento prisional para cumprir os 25 anos de prisão (pena máxima) a que foi condenado pela coautoria do homicídio de Luís Grilo, disse à agência Lusa o seu advogado. “António Félix …

Afinal, a altura não depende apenas dos nossos genes

Vários especialistas em genética e biologia celular defendem que a altura não só depende dos genes transmitidos pelos nossos pais, mas também de fatores ambientais, como a dieta. Muitas vezes consideramos a nossa altura imutável, determinada …

Resolvido mistério de longa data sobre explosões colossais no Espaço

Cientistas desvendaram um antigo mistério sobre algumas das maiores explosões do universo, conhecidas como erupções de raios gama, ou Gamma Ray Bursts (GRB), em inglês. As erupções de raios gama são explosões extremamente energéticas que foram …

Programa de computador prevê os gostos de arte das pessoas

Um programa de computador criado por uma equipa de investigadores conseguiu prever com precisão os gostos de arte das pessoas. Gostos não se discutem. Seja a cor preferida, o carro que conduz ou o género de …

Bilardo foi "distraído" para não saber da morte de Maradona

Carlos Bilardo continua sem saber que Diego Maradona morreu. Família tenta proteger saúde do antigo selecionador argentino. Diego Armando Maradona morreu em novembro e Carlos Bilardo continua sem saber desse falecimento. A família tenta proteger a …

Processo de envelhecimento é imparável, revela estudo

Um novo estudo, que envolveu cientistas de 14 países, confirmou que provavelmente não podemos diminuir a velocidade com que envelhecemos, devido a restrições biológicas. A pesquisa, publicada na quarta-feira na Nature Comunications, inclui especialistas da Universidade …

Inglaterra 0-0 Escócia | Nulo total no dérbi britânico

A Inglaterra empatou hoje 0-0 com a Escócia, em jogo da segunda jornada do Grupo D do Euro 2020 de futebol, e desperdiçou a oportunidade de garantir já um lugar nos oitavos de final do …

Infeção pelo coronavírus pode não garantir proteção prolongada, revela estudo

Um novo estudo britânico sugere que uma infeção pelo SARS-CoV-2 não garante que o hospedeiro desenvolva uma resposta imunitária prolongada contra o vírus, sendo a imunidade "altamente variável de pessoa para pessoa". Segundo a pesquisa do …

Ex-ministro da Bolívia planeou um segundo golpe usando mercenários dos EUA

O vazamento de gravações telefónicas e e-mails revelam que um ex-ministro da Defesa boliviano estava a preparar-se para usar tropas estrangeiras para impedir que o partido de esquerda MAS regressasse ao poder. Os documentos e registos …