Astrónomo conhece “muito bem” a órbita do misterioso Planeta X

Um astrónomo afirmou recentemente conhecer a órbita do famoso Planeta X, também conhecido como nono planeta do Sistema Solar, apesar de não existirem observações conhecidas do hipotético astro.

O Planeta X é um mundo teórico que, se existisse, teria cerca de dez vezes a massa da Terra, orbitando a extremidade mais distante do Sistema Solar, no Cinturão de Kuiper. De acordo com o Express, o facto de este planeta invisível ser tão grande poderia explicar por que motivo alguns corpos celestes do Cinturão de Kuiper surgem aglomerados, devido à gravidade de um grande planeta.

A existência de um nono planeta foi sugerida pela primeira vez em 2016 por astrónomos do Instituto de Tecnologia da Califórnia (Caltech), nos Estados Unidos. O professor Michael Brown, que originalmente inventou a teoria do astro em questão, está convicto de que os cientistas não estão muito longe de descobrir finalmente o hipotético planeta.

Michael Brown deu uma entrevista recentemente, na qual revela que está muito otimista em relação à identificação da órbita do misterioso Planeta X. “Se soubéssemos exatamente onde está o Planeta X, não teríamos que deduzir, iríamos apenas olhar para o astro e dizer: ‘Olha, lá está ele'”.

“Não sabemos exatamente onde se encontra, porque tudo o que sabemos é o seu efeito gravitacional prolongado sobre outros corpos. Conhecemos muito bem sua órbita por causa de todas as simulações computacionais, que mostram que, se não fosse suficientemente maciço, não afetaria o Sistema Solar exterior”, explica o investigador.

“Por isso, podemos deduzir todos estes detalhes a partir das simulações computacionais detalhadas que temos feito nos últimos tempos”, remata Brown.

Segundo o astrónomo, o Planeta X segue uma órbita elíptica muito além das franjas do Cinturão de Kuiper – cuja maior aproximação do Sistema Solar mede sete vezes a distância do Sol a Neptuno. Graças a essas distâncias gigantescas, a gravidade do nono planeta não tem impacto em nenhum outro, muito menos na Terra.

O Cinturão de Kuiper é uma área do Espaço densamente povoada por asteroides rochosos e outros corpos gelados conhecidos como Objetos do Cinturão de Kuiper (KBOs). Estimativas da NASA indicam que, se este misterioso planeta realmente existir, levaria entre 10 mil e 20 mil anos para orbitar o Sol.

“A existência deste mundo distante é, por enquanto, apenas teórica, não tendo sido feita nenhuma observação direta do objeto apelidado de ‘nono planeta'”, afirmou a agência espacial norte-americana.

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Desde os anos 80 que Zacharia Sitchin indica a órbita deste planeta X a partir da tradução dos rolos de escrita Suméria referentes à sua Cosmogonia. Aconselho a leitura do seu livro Planeta X em que calcula a órbita deste planeta em 36.000 anos.

    • Duzentos milhões de anos aproximadamente é o temporal que o sol demora a orbitar oi centro da galáxia, a uma velocidade de cerca de 225 km por segundo, o que quer dizer que desde que se formou a via láctea o sol completou entre 22 e 25 órbitas completas ao centro da galáxia.

  2. Como assim os astrônomos tiveram a ideia em 2016? Algo está errado aí, pois em 1996 quando eu cursava o 2° ano meu professor de química já falava sobre esse planeta, na verdade essa idéia vem do tempo dos Maias e gregos, se não me falava a memória…

  3. Não galera, não é tiveram a ideia e sim começa a procurar em 2016, claro que já sabem da existência do planeta x!
    “A procura pelo “Planeta Nove” começou em 2016. Enquanto os cientistas observavam um conjunto de objetos distantes no sistema solar, perceberam algo estranho: todos, mais longes do sol que Plutão, orbitavam a estrela num ângulo distinto diferente dos planetas internos.”

  4. Segundo as escritas suméria (tabuas de argila) a órbita deste planeta leva 23.000 anos para completar sua caminhada em torno do sol .

  5. Olá malta, também gosto muito de astronomia e acho-a fascinante, porque quase todos os dias se fala no que andará lá fora e o que se vai descobrindo através dos telescópicos terrestes e o que anda no espaço, o nosso sistema solar muito provavelmente tem mais planetas e luas do que se possa imaginar, temos observado pelas descobertas de várias estrelas para além do nosso e qual delas é a mair (colossos gigantescos) uma delas quase que absorvia o nosso sistema no seu diâmetro, então porque não acreditar que algo gigantesco anda lá fora na escuridão, se demora 36 ou 26 mil anos a dar uma volta à nossa estrela, pouco importa… ele está lá e poucos foram muito provavelmente os que o absorvaram numa possível passagem mais perto de nós, pelo menos não viveram para nos contar na primwira pessoa, e pouco ou nada existe que ele na realidade se tenha aproximado de nós.

RESPONDER

Cientistas conseguiram manter tecido cerebral de cobaias vivo durante semanas

Cientistas japoneses conseguiram manter partes de tecido cerebral de cobaias vivas e viáveis durante 25 dias, isoladas numa cultura, graças a um novo método. De acordo com o Science Alert, a chave para o sucesso foi …

Arqueólogos descobrem 25 sítios que comprovam presença militar romana no Norte e na Galiza

Investigadores portugueses e galegos descobriram 25 novos sítios no Norte de Portugal e na Galiza que “comprovam arqueologicamente” a presença militar romana nos dois territórios, correspondendo a maioria dos locais a “acampamentos militares”, revelou hoje …

EUA poderão manter alguns efetivos na Síria para proteger poços de petróleo

Os EUA planeiam deixar alguns efetivos no nordeste da Síria para proteger instalações petrolíferas e garantir o combate contra um possível ressurgimento do grupo extremista Estado Islâmico (EI), disse hoje o secretário de Defesa dos …

Polícias realizam manifestação conjunta em Lisboa a 21 de novembro

Elementos da PSP e da GNR realizam a 21 de novembro, em Lisboa, uma manifestação conjunta para exigirem ao novo Governo "a resolução rápida" dos problemas que ficaram por resolver na anterior legislatura. Com o lema …

Sérvia punida por racismo no jogo com Portugal

A UEFA condenou nesta segunda-feira a Sérvia a disputar o próximo jogo da fase de qualificação para o Euro 2020 à porta fechada, por manifestações racistas na partida com Portugal, disputada em Belgrado, que terminou …

Juve Leo lança críticas à direção: Um clube sem rumo e que precisa de bodes expiatórios

Depois de o Sporting rescindir os protocolos com a Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI devido à "escalada de violência" recente, a Juve Leo reagiu em comunicado com duras críticas à direção de …

Um terço dos fogos deste ano tiveram como causa queima e queimadas

Um terço dos incêndios florestais registados este ano e investigados tiveram como causa queimadas e queimas, revela o último relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). O relatório provisório de incêndios rurais, …

De Nova Iorque a Sydney em 19 horas. Avião da Qantas bate recorde

O primeiro voo comercial direto entre as cidades de Nova Iorque e Sydney, com mais de 19 horas, terminou, este domingo, na cidade australiana. O teste realizado pela companhia aérea Qantas faz parte do Project Sunrise, …

Marcelo ficou "muito impressionado" pela destruição do furacão Lorenzo nos Açores

O Presidente da República visitou, este domingo, o porto das Lajes das Flores, que ficou destruído após a passagem do furacão Lorenzo pelos Açores, mostrando-se "muito impressionado" pela destruição "massiva". "Muito impressionado com aquilo que foi …

Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da formação espalhados pela Europa

O Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da sua formação a atuarem nas ligas europeias e o emblema português mais representado nas 'big 5', segundo o observatório de futebol do Centro Internacional de …