Arqueólogos revelam o que se esconde debaixo do castelo do “Conde Drácula”

Os arqueólogos estudaram o conhecido castelo de Corvin na região romena de Transilvânia, onde Vlad III foi preso, e encontraram vestígios de várias estruturas desconhecidas.

O castelo de Corvin, também conhecido como Castelo de Hunyadi ou Castelo de Hunedoara, é um castelo gótico-renascentista em Hunedoara, na Roménia.

As fortificações de pedra mais antigas da estrutura datam do século XIV e a sua transformação de fortaleza em castelo já estava em andamento no século XV, de acordo com a investigadora Isabel Morris, do Departamento de Engenharia Civil e Ambiental da Universidade de Princeton.

No século XV, Vlad III, príncipe da Valáquia, foi preso no castelo de Corvin pelo governador húngaro John Hunyadi, que supervisionou a primeira expansão do castelo. Mais duas expansões foram feitas nos séculos XVII e XVIII.

A imagem de Vlad III está coberta por muitas lendas sobre a barbaridade com que tratava os seus inimigos, ao ponto de se ter tornado difícil distinguir a verdade da mentira. Apesar de tudo, o castelo da família Corvin continua a chamar a atenção de cientistas e amadores de histórias sobre vampiros, que tentam encontrar vestígios do Drácula real.

Consequentemente, o edifício é uma miscelânea de construções de diferentes períodos. O edifício tem sido objeto de numerosas escavações. No entanto, os mapas são inconsistentes e falta muito do registo arqueológico, o que representa um desafio para os arqueólogos que exploram o castelo hoje. Por esse motivo, Morris escolheu o radar de penetração no solo para realizar o seu estudo.

A investigadora queria encontrar “quartos de tortura” e outras salas perdidas, ao estudar os alicerces do castelo de Vlad III. As ondas dos radares permitem penetrar na profundidade de várias dezenas de metros.

A equipa não conseguiu encontrar tais salas, mas encontrou vestígios de uma construção dos tempos mais remotos, que teria funções administrativas. As conclusões foram apresentadas a 12 de dezembro na reunião anual da American Geophysical Union.

“Para fazer um bom trabalho com a nossa reconstrução, precisámos de saber onde todas estas peças estão”, disse a investigadora. “Identificámos um complexo administrativo construído durante o século XVII”. O radar também revelou lugares onde partes do castelo eram sustentadas por rochas e suportadas por estruturas construídas pelo homem.

Os quartos já reconstruidos nas profundezas do castelo incluem uma câmara de tortura – com um modelo de uma vítima amarrada e pendurada no teto -, mas não se sabe se a sombria câmara já abrigou o infame Vlad III.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. O Governador Húngaro poderia chamar-se muita coisa, mas John não se chamava de certeza quanto muito Jan ou Johann, que são nomes possíveis no império Austro-húngaro ou no reino da Hungria. John é um nome inglês e que não tem qualquer enquadramento local.

RESPONDER

Tondela 1-3 FC Porto | Hat-trick de Taremi castiga insolência beirã

O iraniano Mehdi Taremi foi a grande figura da vitória do FC Porto em casa do Tondela, por 3-1. Os homens da casa marcaram primeiro, mas cedo se viram reduzidos a dez elementos e tiveram …

Chamam-lhe "Lady Trump". A candidata a governadora do Nevada que está a gerar polémica

Conhecida como "Lady Trump", Michele Fiore anunciou a sua candidatura a governadora do estado do Nevada em estilo, gerando polémica nos Estados Unidos. Michele Fiore, vereadora de Las Vegas, anunciou esta terça-feira a sua candidatura a …

Benfica abre inquérito a envolvimento de colaboradores em negócio de ações da SAD

O Benfica abriu um inquérito interno para averiguar o possível envolvimento de dois colaboradores num eventual negócio de transação de ações da SAD ‘encarnada’, informou hoje o clube, em comunicado. “Tendo em conta as recentes notícias …

Um hipopótamo na água

Tribunal norte-americano reconhece hipopótamos de Pablo Escobar como pessoas jurídicas

O grupo de hipopótamos, mais uma parte do legado deixado na Colômbia por Pablo Escobar, recebeu o estatuto de "pessoas jurídicas". Um tribunal federal dos Estados Unidos defendeu que os descendentes dos hipopótamos do barão da …

Mais rapidez e menos ruído. E-bikes permitem que militares em ação passem despercebidos

Os soldados do Regimento de Cavalaria da Infantaria Montada de Queensland, na Austrália, estão a testar e-bikes para perceber se o veículo poderá ser uma opção válida para operações no terreno. Passar despercebido no terreno é …

Oposição critica Governo de El Salvador por usar a covid-19 para limitar manifestações

Na quarta-feira, a Assembleia Legislativa de El Salvador aprovou um decreto que proíbe reuniões públicas e privadas que não estejam relacionadas com as artes, cultura ou desporto até 8 de dezembro. Segundo a Vice, apesar de …

Portugal com mais 883 casos confirmados e quatro mortes

Portugal regista hoje mais 883 casos confirmados de covid-19 e quatro óbitos pela doença, assim como 729 pessoas recuperadas e menos internamentos em enfermaria e unidades de cuidados intensivos, de acordo com o boletim diário. Segundo …

Um boneco do Super-Homem a voar

Indianos declaram "guerra" ao Super-Homem e à Mulher-Maravilha

Injustice, o último filme de animação da DC Comics, deixou alguns indianos muito perto de um ataque de fúria. Cenas em que o Super-Homem e a Mulher-Maravilha surgem a lutar contra militares indianos e a …

Alec Baldwin

Hollywood em choque. Alec Baldwin recebeu arma carregada, mas disseram-lhe que estava "fria"

A morte da directora de fotografia Halyna Hutchins, depois de ter sido atingida pelo actor Alec Baldwin durante as filmagens de "Rust", deixou o mundo de cinema de Hollywood abalado. E ninguém percebe como é …

Provedor da Santa Casa sob suspeita. Renda com desconto, gastos e bolsa investigados

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu documentos e computadores ao provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), Edmundo Martinho, e à professora Maria da Luz Cabral. Em causa estarão suspeitas relacionadas com despesas, uma …