Os nossos ancestrais também tinham doenças cardiovasculares

Khaled Elfiqi / EPA

As doenças cardiovasculares têm uma história longa, chegando até ao egípcios antigos. Novas evidências culpam esta condição no tipo de dieta que mantinham.

A aterosclerose é uma doença cardiovascular extremamente comum, que resulta da acumulação de gordura e colesterol nas paredes arteriais.

Mas esta doença tem uma longa história, chegando até ao egípcios antigos, devido às suas dietas de elite cheias de alimento gordurosas. Porém, novas evidências de múmias da Gronelândia revelam uma dieta completamente diferente que também contribuía para a aterosclerose no século XVI a.C.

A análise de cinco múmias da Gronelândia por uma equipa de investigação internacional usou tomografia computadorizada para identificar placa nas artérias. Isto faz parte de um estudo maior em andamento para examinar múmias de sociedades pré-industriais em redor do mundo e descobrir a taxa de doenças cardíacas antes da introdução das dietas  altamente calóricas que vemos em muitos dos sedentários da sociedade atual.

A análise das múmias da Gronelândia – que representam quatro adultos jovens e uma criança de uma comunidade Inuíte – revelou depósitos de cálcio endurecidos nos vasos sanguíneos do tórax. Tanto a idade jovem como a sua dieta baseada em peixe fez com que a descoberta da aterosclerose fosse surpreendente.

Ron Blankstein, diretor associado do Brigham Cardiovascular Imaging Program, sugeriu, em vez disso, que fatores como a exposição cumulativa ao fumo de fogões domésticos podem ter contribuído para o desenvolvimento da doença. A mesma explicação foi postulada para a incidência de aterosclerose em múmias egípcias antigas, que espelha a taxa em egípcios contemporâneos.

Artigos publicados pelo grupo de pesquisa Horus detalha as descobertas adicionais do grande estudo sobre múmias. Múmias de áreas geográficas distintas, incluindo Egito, Coreia, China, Síria, Peru, América do Sul e Ilhas Aleutas – além de múmias europeias – apresentaram evidências de aterosclerose.

O envolvimento dos cardiologistas nesses antigos estudos de múmia é importante para melhor diagnosticar doenças antigas e para melhor entender a causa da aterosclerose em pessoas contemporâneas.

“Não sabemos muito sobre os fatores de risco para a aterosclerose como costumávamos pensar”, disse em 2014 o cardiologista Randall Thompson, do Mid America Heart Institute de Saint Luke, de Kansas City. Pode haver outros fatores de risco que têm um papel maior do que achamos”, como a poluição ambiental causada pelo fumo.

Embora a doença cardíaca tenha sido encontrada na maioria das múmias que foram submetidas à tomografia computadorizada até ao momento, Blankstein, que trabalhou nas múmias da Gronelândia, não acha que a aterosclerose seja inevitável.

“A maioria dos eventos de doença cardiovascular que vemos em pacientes modernos é evitável com dieta adequada, controlo de peso e mudanças no estilo de vida, como o exercício regular”, observou, em comunicado de imprensa. O especialista espera que as descobertas do projeto inspirem as pessoas a aprender mais sobre como reduzir o risco de doenças cardiovasculares.

ZAP // Forbes

PARTILHAR

RESPONDER

Braga 0-1 Rangers | "Guerreiros" eliminados por pé Kent

O Sporting de Braga caiu nos 16 avos-de-final da Liga Europa. Após a derrota por 3-2 na visita ao Rangers na semana passada, após estar a vencer por 2-0, os “arsenalistas” foram donos e senhores …

Violada, drogada e raptada. Cantora Duffy explica o seu desaparecimento da cena musical

A cantora galesa Duffy que fez sucesso, em 2008, com a música "Mercy", esteve vários anos afastada dos holofotes do mundo da música e explica, agora, que isso se deveu ao facto de ter sido …

Neeleman continua na TAP, mesmo com a entrada da Lufthansa

David Neeleman vai manter-se como acionista da companhia aérea portuguesa, mesmo que a Lufthansa venha a entrar no capital da TAP. Sabe-se que a Lufthansa está a estudar, juntamente com a United Airlines, a aquisição dos …

Escócia aprova plano para dar tampões e pensos grátis a todas as mulheres

O Parlamento escocês aprovou, esta terça-feira, um projeto de lei para disponibilizar gratuitamente produtos de higiene feminina a todas as mulheres. A Escócia será o primeiro país a avançar com uma medida deste tipo. O plano …

Bruxelas regista lentidão no desenvolvimento da ferrovia e dos portos portugueses

A Comissão Europeia fez hoje várias observações sobre a lentidão do desenvolvimento de projetos na ferrovia e nos portos portugueses, num relatório elaborado no âmbito do pacote de inverno do semestre europeu. Abordando os setores ferroviário …

Há dois anos, o Governo deu luz verde a doutoramentos nos politécnicos (mas ainda não mudou a lei)

O Governo deu luz verde aos doutoramentos nos politécnicos e, por isso, criou em 2018 uma lei para mudar o panorama. Contudo, esta só funciona se a Lei de Bases mudar. Em 2018, o Conselho de …

Neymar recusa treinar depois de não ser convocado

O futebolista brasileiro Neymar, que joga atualmente no PSG, recusou-se a treinar no dia seguinte a não ter sido convocado para o jogo frente ao Dijon, para a Taça de França, revelou esta quarta-feira o …

"Poesia de emergência". Espanhóis criam número de telefone para quem quiser ouvir poemas

O projeto "Poesia de Emergência" nasceu no início de 2018 e tem mais de uma centena de voluntários que recitam poemas próprios autores conhecidos. Basta ligar para um número.   A ideia, que já tem voluntários em …

Vitalino Canas: "Andei 40 anos a preparar-me para ser juiz do Tribunal Constitucional"

O ex-secretário de Estado Vitalino Canas assumiu hoje, no parlamento, que esteve nos últimos “40 anos” a preparar-se para “ser juiz do Tribunal Constitucional”, e salientou que se for eleito não será porta-voz “de nenhum …

Lei que proíbe eutanásia "comercial" considerada inconstitucional por tribunal alemão

O Tribunal Constitucional da Alemanha considerou esta quarta-feira inconstitucional uma lei de 2015 que proíbe o suicídio assistido "organizado" por médicos ou associações. A lei privou doentes em fase terminal do "direito de escolher [a sua] …