As abelhas preferem inseticidas em vez de alimentos não contaminados

As abelhas “ganham o gosto” pelos inseticidas, cujos efeitos nestes insetos são semelhantes aos da nicotina nos humanos.

Durante dez dias, investigadores da da Universidade de Queen Mary e do Imperial College, em Londres, expuseram dez colónias de abelhas a sacarose simples e a sacarose com diferentes concentrações de inseticidas neonicotinóides, substâncias quimicamente semelhantes à nicotina usadas para proteger as plantas dos insetos.

Quando são ingeridos pelas abelhas, estes inseticidas afetam o sistema nervoso central deste animal, causando-lhe a paralisia ou até a morte. O artigo científico foi publicado recentemente na Proceedings of the Royal Society B.

No início da experiências, as abelhas preferiram a sacarose não alterada, mas à medida que o tempo foi passando, as abelhas passaram a preferir os alimentos com inseticidas, mesmo tendo a possibilidade de consumir alimentos não contaminados.

O Público explica ainda que os insetos conseguiam detetar a substância e mudar as suas rotinas para procurar sacarose com concentrações de neonicotinóides.

Richard Gill, um dos autores do estudo, afirmou num comunicado do Imperial College que, “curiosamente, os neonicotinóides afetam terminações nervosas nos insetos que são parecidas com as terminações afetas pela nicotina nos mamíferos”.

Ainda que as conclusões do estudo mostrem que este gosto adquirido é sintomático de um “comportamento de dependência“, é necessária mais investigação para saber o que causa este vício.

Os investigadores ressalvam que este aumento de exposição aos neonicotinóides pode ser preocupante, tendo em conta que pode “afetar de forma negativa as funções motoras, aprendizagem, orientação e navegação” das abelhas. Além disso, a longo prazo, isso afetaria também as colónias, aponta o artigo científico.

Além de os inseticidas poderem ter efeitos nocivos no sistema nervoso humano, os cientistas sublinham ainda que os pesticidas têm um papel importante na segurança alimentar, mas podem afetar outras espécies que não as pretendidas – como as abelhas, que ajudam a polinizar colheitas e árvores de fruto.

São usados em todo o mundo, mas os neonicotinóides têm vindo a ser proibidos nos últimos anos. Em abril deste ano, por exemplo, a União Europeia aprovou uma proposta que proíbe o uso ao ar livre destes inseticidas por serem danosos para as abelhas.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Parlamento debate fim das comissões bancárias no MB Way e nas prestações da casa

O Parlamento debate esta quinta-feira projetos do BE, do PCP, do PS, do PAN e do PSD sobre limitação e proibição de comissões bancárias, tendo os bloquistas, que agendaram esta discussão, expectativa de que os …

Castração química. Bloco de Esquerda é contra veto a projeto de lei do Chega (e explica porquê)

A Comissão Parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias considerou que o projeto de lei do Chega "não preenche os requisitos do ponto de vista constitucional". O Bloco de Esquerda votou contra e explicou …

Estado pode deixar de ganhar dinheiro com empréstimo ao Novo Banco

Atualmente, o Fundo de Resolução paga juros de 2% e 1,38% pelos empréstimos contraídos junto do Estado para financiar as medidas de resolução do BES e do Banif, respetivamente. Porém, esse valor pode descer para …

Equipa de campanha de Trump processa The New York Times por difamação

A equipa de campanha de Donald Trump processou o The New York Times. Em causa está um artigo publicado em março do ano passado. A equipa de campanha de Donald Trump alega que o jornal publicou, …

Enfermeiros que deixem de ser chefes regressam ao início da carreira

Há enfermeiros que regressaram ao início de carreira depois de terem abandonado as suas funções de chefia, revela o jornal Público. Tal como escreve o matutino, que avança a notícia esta quinta-feira, para que estes …

"Ronaldo foi abandonado pela equipa". Imprensa italiana arrasa Juve e elogia CR7

O Lyon tirou partido do fator casa e surpreendeu a octocampeã italiana, Juventus, em França, e ganhou esta quarta-feira uma vantagem importante - embora ténue - na eliminatória com os bianconeri para a Liga dos …

Costa desaconselha viagens de finalistas. Associação de pais diz que "não vale o risco"

O primeiro-ministro, António Costa, admitiu esta quinta-feira que Portugal acabará por ter casos de coronavírus "mais cedo ou mais tarde". No entender líder do Executivo, que falava aos jornalistas em Bragança à margem da primeira …

Esquerda está contra, PSD não dá a mão. Montijo está em risco (mas "não há drama")

O ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos, vai respeitar a decisão da maioria do Parlamento. "Acataremos, não há drama". Esta quarta-feira, Pedro Nuno Santos respondeu às críticas da esquerda acerca da vontade do Governo …

Reino Unido admite abandonar negociações com a União Europeia

O Governo britânico admite abandonar as negociações com a União Europeia (UE) para um acordo pós-Brexit se não houver progressos até junho, refere um documento publicado esta quinta-feira com a posição do Reino Unido. Num documento …

Bancos avisam: Proibir comissões vai levar a fecho de balcões e despedimentos

A Associação Portuguesa de Bancos (APB) é contra a proibição de comissões bancárias ou a sua limitação em valor e em número, no MB Way e nos contratos de crédito. As propostas vão ser discutidas …