Só 15 escolas privadas com apoio do Estado não têm alternativa pública nas redondezas

3

A maioria dos 79 estabelecimentos de ensino particular e cooperativo com contratos de associação tem uma escola pública a menos de 10 quilómetros de distância.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

De acordo com a Renascença, um estudo da Direção Geral de Estatísticas da Educação, datado de abril deste ano, na região Norte há apenas cinco escolas privadas com contrato de associação que estão sozinhas – todas as outras têm alternativa a 10 quilómetros ou menos de distância, pelo menos para alguns níveis de ensino.

No centro do país, há seis escolas com contrato de associação que não têm alternativa pública, enquanto que na região de Lisboa e Vale do Tejo há três escolas situadas a mais de 10 quilómetros de escolas públicas com vagas.

A proximidade geográfica não é o único critério do Governo na revisão dos contratos de associação. O executivo ponderou outros critérios: a lotação, o estado de conservação, a ocupação e a existência de transportes.

Ainda assim, os exemplos proliferam: um dos colégios na região norte, o Externato Liceal Paulo VI, de Gondomar, tem 27 escolas públicas num raio de 10 quilómetros, 11 das quais com níveis de ocupação muito baixos.

O Colégio Rainha Santa Isabel, em Coimbra, tem 15 escolas próximas, nove das quais com taxas de ocupação de nível 1 e 2 numa escala de cinco.

Em Lisboa, os Salesianos de Manique ficam nas proximidades de 20 estabelecimentos de ensino públicos, dos quais apenas dois estão com ocupação máxima.

ZAP

3 Comments

  1. Isso é mesmo jornalismo feito por estagiários. O fato de existir escolas publicas perto não significa nada per si. É necessário investigar se tem vagas para a quantidade enorme de alunos que viriam do privado.

  2. Em Coimbra o Colégio Rainha Santa está a cerca de 10 metros do Colégio São Teotónio – tem a 500 metros a Secundária Avelar Brotero e D. Maria, ainda perto 1º ciclo EB1 da Solum, 2/3 ciclos Eugénio de Castro e Casa Branca, Secundária Quinta das Flores

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.