Pela primeira vez, um avião tripulado aterrou sozinho

Uma equipa de cientistas alemã criou um sistema que permite à aeronave aterrar autonomamente em qualquer pista, sem nenhum tipo de apoio humano.

Enquanto a indústria automóvel tem andado léguas no que toca a inovação em autonomia, a indústria da aviação nem tanto. Por isso mesmo, a criação deste novo sistema que consegue aterrar um avião sozinho é o maior passo já alguma vez dado neste campo.

Para alcançar este feito, o sistema de pouso automático chamado C2Land utiliza visão computacional para identificar a pista de aterragem e controlar o avião em segurança até ao solo, tal e qual um piloto humano.

Os aviões atuais têm um sistema semelhante, chamado Instrument Landing System (ILS) que serve de apoio quando os pilotos não conseguem ver integralmente a pista de aterragem. Este sistema recorre a sinais de rádio no solo e recetores instalados dentro da aeronave para determinar a posição do avião.

O C2Land não precisa desse tipo de infraestruturas, que nem todas as pistas e aeroportos têm, tratando-se assim de uma tecnologia mais económica e acessível. Mesmo em condições de fraca visibilidade, o C2Land mostra-se eficaz, recorrendo a GPS e visão computacional para controlar o avião.

O processo é bastante simples: o computador deteta a linha de aterragem e calcula a trajetória da aeronave tendo em conta a velocidade, altitude e outras variáveis — explica o ExtremeTech.

Para aferirem o sucesso da tecnologia, os cientistas equiparam um Diamond DA42 com o sistema C2Land. A bordo ia o piloto Thomas Wimmer, que apenas teve a responsabilidade pôr o avião no ar. A caminho da pista a tarefa ficou encarregue ao avião. O vídeo mostra detalhadamente a trajetória virtual criada pela tecnologia, naquela que foi a primeira aterragem autónoma de um avião tripulado.

“As câmaras já reconhecem a pista a uma grande distância do aeroporto”, disse Wimmer. “Depois, o sistema guia automaticamente a aeronave pela aproximação à pista e aterra precisamente no centro”, acrescentou, citado pelo Science Alert.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Já estão em operação há imensos anos comboios completamente automáticos.
    Há muito tempo que os aviões comerciais poderiam descolar e aterrar automaticamente.
    A única razão por que ainda não se faz é que ninguem – para já – quererà voar num avião sem pilotos.
    Se forem ver as estatísticas, 95% dos acidentes aéreos são por causa de erro humano.

  2. Os aviões comerciais e pilotos habilitados para ILS3C podem e tem de pousar pelo piloto automático, sempre que um aeroporto com pista para tal aparelhada estiver com as condições meteorológicas de tal modo reduzidas, exigindo esse tipo de aproximação. Para decolar não.Todas as decolagens são feitas sem o piloto automático, que é acionado no início da subida, depois da decolagem.

  3. Eu também andei SEMPRE em aviões tripulados!!! Pensava que os aviões tripulados já aterravam há muito tempo… levantavam e depois aterravam.

  4. Gentem tudo que eu adoraria presenciar e óbvio, registrar também, com grande emoção as Aeronaves dos políticos em especial da Presidência subir aos céus depois de um longo percurso aterrizar com a grande tecnologia sem nenhuma intervenção de pilotos e co-pilotos, só no avanço tecnológicos. Nossa!.. Só um sonho né…Quem inventa, o sucesso é graças as cobaias

RESPONDER

A tecnologia ressuscitou o "plágio" de escritores medievais

Os trabalhos de autores medievais foram "ressuscitados" com a tecnologia do século XXI numa inesperada colaboração na Universidade de St Andrews, na Escócia. Um arquivo das obras de autores ingleses medievais, que revelava uma visão internacional …

Num cenário apocalíptico, a espécie humana poderia sobreviver "com populações na casa das centenas"

Cientistas de todo o mundo debruçam-se sobre a preparação das populações (e de abrigos) para sobreviver a um possível apocalipse. Para o antropólogo Cameron Smith, não seria necessário um número muito elevado de pessoas, desde …

Príncipe Harry diz que viver com a família real é "uma mistura entre o Truman Show e estar num zoo"

Depois de uma entrevista a Oprah Winfrey, o duque de Sussex faz novas revelações numa nova entrevista e descreve como era a sua vida antes de ir viver, primeiro para o Canadá e, depois, para …

Pentear o cabelo pode tornar-se uma tarefa mais fácil com a ajuda de um robô

Uma equipa de cientistas desenvolveu recentemente um braço robótico com uma escova de cabelo macia, equipada com uma câmara que ajuda o braço a "ver" e a avaliar a ondulação, para oferecer ao utilizador uma …

Benfica 4-3 Sporting | Águia vence dérbi espectacular

Mas que grande dérbi! Benfica e o novo campeão Sporting presentearam os adeptos com um jogo espectacular, um dos melhores dos últimos anos em Portugal, com futebol de ataque e golos, muitos golos. Foram nada menos …

Portugal é o 2.º país com mais divórcios e menos casamentos na UE

A taxa de casamentos na União Europeia caiu drasticamente nos últimos 55 anos, ao mesmo tempo que a taxa de divórcios subiu. Portugal é o segundo país onde esta tendência mais prevalece. De acordo com dados …

"É parte da nossa identidade". Pequena cidade na Suécia luta para preservar uma antiga língua moribunda

A organização Ulum Dalska, sediada numa pequena cidade sueca chamada Älvdalen, tem uma missão. Durante décadas, os seus membros têm trabalhado arduamente para ajudar a salvar a língua elfedaliana, um remanescente do nórdico antigo. "Tivemos a …

Papa diz que abuso infantil é uma espécie de “assassinato psicológico”

O Papa Francisco criticou hoje o abuso infantil dizendo que é “uma espécie de ‘assassinato psicológico’ e, em muitos casos, um cancelamento da infância” e pediu para “parar de encobrir” o fenómeno da pedofilia. Francisco falava …

Jerónimo considera “precipitado” discutir Orçamento de 2022 e “deitar borda fora” o atual

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, considerou hoje “no mínimo precipitado” antecipar a posição do partido sobre o próximo Orçamento do Estado e “deitar borda fora” a concretização do atual. À margem de uma visita …

Plano da CIA para capturar Bin Laden originou um problema de saúde pública no Paquistão

Um novo estudo indica que um plano secreto da CIA para capturar Osama Bin Laden, no início de 2011, teve como consequência uma queda significativa das taxas de vacinação no Paquistão. O plano, que usava uma …