Manuel Pinho pediu reforma antecipada com 13 anos de descontos

José Sena Goulão / Lusa

O antigo Ministro da Economia Manuel Pinho

O antigo ministro da Economia Manuel Pinho tentou obter a pensão de reforma antecipada, mas esta foi-lhe negada pela Segurança Social porque o antigo governante só tinha, à data, 13 anos de descontos registados.

A notícia é avançada esta sexta-feira pelo Correio da Manhã que nota que o caso remonta a 2017. Tal como observa o matutino, e tendo em conta os termos legais, faltavam a Manuel Pinho 27 anos de descontos para ter direito à reforma antecipada.

Apesar de o caso ter já dois anos, o caso só agora foi conhecido. De acordo com o diário, a  a informação faz parte de uma carta da Segurança Social depositada na ação cível do Fundo de Pensões do Novo Banco contra vários ex-administradores do BES, entre os quais se encontra Manuel Pinho.

“Em referência ao requerimento apresentado para efeito de montante provável de pensão por velhice antecipada a 20 de abril de 2017, informamos que concluída a instrução do respetiva processo se verifica que o beneficiário não reúne as condições legais para a concessão da pensão”, pode ler-se na carta a que o CM teve acesso.

“Apresentando o beneficiário aos 62 anos de idade o período contributivo de novembro de 1988 a janeiro de 1990 e de março de 2005 a dezembro de 2014, apenas 13 anos civis com registo de remunerações, não reúne as condições do referido diploma”, remata.

O Correio da Manhã tentou, sem sucesso, contactar Pinho, bem como o seu advogado.

A pensão de reforma antecipada, recorde-se, pode ser obtida por contribuintes que tenham pelo menos 60 ou mais anos de idade e 40 anos de descontos.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Este tentou não sei como não colou, talvez porque na SS não estaria ninguém da linhagem dele. Não lhe chega os ROUBOS que fez e talvez continue a fazer, ainda tentou reforma c/ 13 anos de descontos?? O comum dos mortais p/ ter reforma tem ter 40 anos de descontos e 60 anos de idade – pelo menos – mas esta regra é p/ o comum dos trabalhadores, ora os politicos acham-se seres superiores, quando na realidade vêm da M—- e, vivem a fazer M—- e quando morrem em M—- e transformam…

  2. Não aprecio este Sr. As situações pouco claras em que o seu nome surge envolvido, tresandam. No entanto, importa referir que tem descontos em vários subsistemas, como o são o fundo de pensões do BES, e a CGA. Neste caso, o que parece imoral é, tendo mais de 25 mil euros de pensão do BES ainda querer acumular.
    Em todo o caso, aqui o também muito grave é o jornalismo de sarjeta que se faz por cá. Goste-se ou não do personagem (e eu não gosto!).

  3. O homem não pensou bem na altura, como é que o pobrezinho iria viver com uma pensão mínima apenas com treze anos de desconto? Há que ter dó desta gente!

RESPONDER

Odemira. Problema não está nos contentores, mas sim "nas aldeias"

A ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, considera que o problema de Odemira reside "nas aldeias, onde são alugadas casas sem condições". Em entrevista à Visão, Maria do Céu Albuquerque, ministra da Agricultura, falou do …

19 anos depois, Ellen Degeneres diz adeus ao seu programa de televisão

O The Ellen DeGeneres Show vai terminar em 2022. O anúncio foi feito pela própria apresentadora, Ellen DeGeneres, na quarta-feira. A 19.ª temporada do talk show será a última do programa, que está no ar desde …

Calamidade até 30 de maio. Champions com lugares marcados, teletrabalho até ao final do mês

Após a reunião do Conselho de Ministros desta quinta-feira, a ministra da Presidência, Mariana Vieira da Silva, anunciou que o país continuará em situação de calamidade até 30 de maio. Acompanhada pelo secretário de Estado das …

Greve da Função Pública "não interfere" com negociações, diz Governo

A Frente Comum marcou para o dia 20 uma greve dos trabalhadores da Administração Pública para exigir um aumento dos salários, a valorização das carreiras e a revogação do sistema de avaliação de desempenho dos …

Estado recebeu 671 milhões do Banco de Portugal em 2020

Em ano de pandemia, o Banco de Portugal (BdP) deu 671 milhões de euros em dividendos ao Estado, segundo os dados divulgados, esta quinta-feira, pelo supervisor da banca. No Relatório do Conselho de Administração de 2020, …

Pedrógão Grande. Testemunha afirma que Câmara a aconselhou a mudar a morada fiscal

A proprietária de uma segunda habitação reconstruída após o incêndio de 2017, em Pedrógão Grande, disse esta quinta-feira que alterou a sua morada fiscal a conselho de um "senhor Bruno", da Câmara Municipal. O julgamento das …

Corrida aos combustíveis. Ciberataque a oleoduto provoca pânico nos EUA

Quase dois terços dos postos de gasolina do sudeste dos Estados Unidos registam escassez de combustível, depois de um ciberataque à maior rede de oleodutos do país ter obrigado a suspender as operações desde sexta-feira. A …

Cecília Meireles sente "enorme tristeza" por ver CDS com 1% nas sondagens

A deputada centrista abordou vários temas numa entrevista, publicada esta quinta-feira, desde a queda do CDS nas sondagens ao seu lugar de deputada na Assembleia da República. Numa entrevista à rádio Renascença e ao jornal Público, …

"Chernobyl do século XXI." Pandemia de covid-19 poderia ter sido evitada, dizem especialistas

A pandemia de covid-19 podia ter sido evitada e o mundo deve aprender com os erros que não permitiram travar a disseminação do vírus, conclui um novo relatório, divulgado esta quarta-feira. A pandemia de covid-19 poderia …

"Estamos a ver a patologia da banca. Uma patologia triste", diz CEO do Novo Banco

O presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho, tem visto, nos últimos tempos, grandes devedores da instituição financeira a explicarem-se na comissão de inquérito, classificando o que assiste como "triste". "Estamos a ver a patologia da …