Linha de Fundo: Venha o Clássico

Crónica ZAP - Linha de Fundo por Teófilo Fernando

Sporting imparável e dragões na corrida. Benfica continua a desiludir. Braga e Paços baralham as contas. As frases e números da semana, vistos da Linha de Fundo.

Competência de líder

  • Sporting CP (Feddal 27′, Nuno Santos 31′) 2 – 0 Portimonense SC

“Jogar futebol é muito simples, mas jogar futebol simples é a coisa mais difícil que existe”. A frase de Johan Cruyff encaixa na perfeição ao Sporting treinado por Rúben Amorim.

Na receção ao Portimonense, a questão ficou resolvida em 30 minutos. Erros fatais dos algarvios, aproveitados com rigor pelo líder. Assumindo com autoridade o rumo do jogo, os leões mostraram mais uma vez muita confiança e qualidade de jogo. Processos simples, futebol eficaz.

Apenas na segunda parte, com o rumo da partida controlado, mais bola para os algarvios, a quem faltou lucidez para incomodar em Alvalade. Destaque para a solidez defensiva leonina, permitindo uma gestão tranquila do resultado. Saldo de 10 golos sofridos e 12 jogos sem sofrer golos. Pode revelar-se decisivo para chegar ao título.

O jogo que antecede o clássico frente ao FC Porto, certamente não terá sido dos mais vistosos da equipa sportinguista, valeu a rapidez em construir a vitória, permitindo desfrutar da vantagem sem qualquer sobressalto. Tudo conseguido com mérito, controlando todos os momentos da partida.

O Sporting alcançou a 17.ª vitória em 20 jogos. É candidato e favorito a vencer o campeonato. Mais uma vez o líder foi sério na abordagem ao jogo, foi competente, mostrando frescura física e mental.

Numa noite de tempestade, com muita chuva e vento, os leões chegaram ao sexto triunfo consecutivo na Liga, tratando-se da melhor série da equipa no campeonato. Esta temporada só o FC Porto fez melhor (sete vitórias consecutivas).

Há 72 anos que o Sporting não apresentava um registo de 85% de vitórias em 20 jornadas da Liga Portuguesa. Já não pode ser só estrelinha. Venha o clássico.

Ilha da esperança

  • CS Marítimo (Léo Andrade 21′) 1 – FC Porto 2 (Matheus Uribe 15′, Otávio 90′ g.p.)

Vitória portista com penálti nos descontos. Francisco Conceiçãosuper suplente – foi derrubado na área por Rúben Macedo. Otávio assumiu a marcação e garantiu um triunfo importante.

Os dragões estão agora a dez pontos do Sporting e recebem os leões no sábado. Os madeirenses são o último classificado (!), mostrando capacidade para subir na tabela. Do lado azul e branco foi alcançado o mais importante: a vitória antes da receção ao líder, mantendo viva a esperança nas contas do título. Obstáculo ultrapassado com capacidade de sofrimento, muito querer e, sempre importante, alguma felicidade.

Boa entrada do Marítimo, motivando a resposta da equipa de Sérgio Conceição, conseguindo controlar a partida e chegar à vantagem. Surgiu a réplica dos insulares. O dragão voltou à carga, mas a noite mostrou algum desacerto ofensivo e, por outro lado, um inspirado Amir, guarda-redes do Marítimo, chegando a negar o golo a Marega e Taremi no mesmo lance.

Na segunda parte, mais intensidade portista na procura constante do golo da vantagem. A urgência de um bom resultado revelou precipitação, retirando alguma lucidez. O jogo mostrou uma equipa com pouca imaginação ofensiva, esbarrando com frequência no número elevado de jogadores com que o Marítimo defendeu.

Antes do xeque-mate… um susto para os azuis e brancos. Brilhou Marchesín a evitar o golo à equipa da casa, fazendo duas defesas seguidas de alto grau de dificuldade. Quatro jogos depois, o FC Porto regressou às vitórias na Liga.

O Marítimo somou a sétima derrota consecutiva (seis na Liga e uma na Taça), vida cada vez mais complicada para o treinador Milton Mendes.

Marítimo 1-2 FC Porto | Penálti salvador antes do “clássico”

Via Sacra

  • SC Farense 0 – 0 SL Benfica

Mais um deslize e o Benfica está a 15 pontos do líder Sporting, colocando em perigo as posições de Liga dos Campeões. Está tudo em causa.

A meio da eliminatória com o Arsenal, as águias jogaram em Faro, de onde saíram sem golos num jogo marcado pelo gritante desperdício de duas equipas que proporcionaram um jogo interessante, de ritmo alto, mas que acabou sem golos, castigando a ineficácia de ambos os ataques.

Numa toada caótica, a bola não teve sossego. Constantes situações de golo desperdiçadas. Desacerto atacante gritante, duas equipas com as miras muito desajustadas. Depois de um primeira parte jogada de forma anárquica, foi quebrando o Farense, faltou aos encarnados mais tranquilidade, bem como outra qualidade de jogo para não voltar a desiludir.

A equipa de Jorge Jesus desperdiçou golos feitos, com Darwin, Seferovic e Rafa a revelarem falta de confiança na hora de finalizar.

No Farense as oportunidades não foram tantas, Pedro Henrique esteve em destaque e padeceu do mesmo mal, embora neste caso dose grande do mérito para Helton Leite pela excelente exibição. Mais uma.

O Benfica termina a 20.ª jornada no 4.º lugar, a 15 pontos da liderança leonina e com apenas um ponto de avanço para o Paços Ferreira.

Na Liga, o Benfica só venceu um dos 7 últimos jogos, empatando 3 dos 4 últimos jogos, somando o 5.º jogo consecutivo sem vencer fora de casa no campeonato. Rendimento desajustado para o gigante investimento e promessas arrasadoras. Foi mais do mesmo. A desilusão aumenta. As desculpas já não fazem sentido. Falta futebol a este Benfica e mais serenidade.

O Farense, na luta pela permanência, não sofreu golos num jogo pela 1.ª vez esta época. Foi um adversário atrevido, conseguindo surpreender pelo ritmo alto que trouxe ao jogo, procurando sempre a baliza encarnada.

Frases da Semana

“Sonhei que ia marcar cedo frente à Juventus e isso fez-me rir durante o sono, mas, quando acordei, senti-me muito bem. Quando marquei o mundo girou à minha volta muito depressa. Falavam comigo e não sabia o que dizer. Alguns amigos diziam-me que, contra a Juventus, não íamos passar do meio-campo. Mas no futebol provou-se que não há impossíveis.” Mehdi Taremi, jogador do FC Porto.

“Acredito que os adeptos não perdoariam se perdêssemos os dez pontos de vantagem, mas isso é perigoso para o treinador, para os jogadores não o será, para o clube será sempre bom porque está a crescer muito. Lembro que o At. Madrid hoje perdeu em casa, já teve onze pontos de vantagem e agora pode ficar com seis. Se isso acontece com equipas que têm Luis Suárez, também pode acontecer com equipas jovens como a nossa.” Rúben Amorim, treinador do Sporting CP.

“O segundo lugar não me diz absolutamente nada. Zero. O que me diz é a atitude e o comportamento dos jogadores. É fantástico, no contexto onde estamos, passado 72horas a nossa ressaca europeia foi fazer um dos nossos melhores jogos da época, com brilhantismo, a atacar bem e a defender bem, fazendo golos com bom recorte técnico. Soubemos fazer um grande jogo. Andei em várias conferências a falar na densidade de jogos, as pessoas não me estavam a entender. Nenhuma equipa na Europa nos últimos vinte anos fez a sequência que o Sp. Braga fez.” Carlos Carvalhal, treinador do SC Braga.

“O título não é uma miragem, mas está cada vez mais difícil. Não seria uma miragem se conseguíssemos as nossas vitórias.” Jorge Jesus, treinador do SL Benfica.

“Pai, não foi fácil para nós sairmos de baixo, recordo-me do dia em que nos abraçámos, chorámos juntos e me disseste: ‘continua a lutar sempre porque agora vai ser mais difícil’. Hoje dou-me conta que tinhas razão. Nesta vida nada é fácil, mas prometi-te que sempre que cair vou-me levantar mil vez mais forte e lutar, como sempre o fiz. Este é um obstáculo mais que vou superar, vou continuar a crescer e a sonhar”, Darwin Núñez, jogador do SL Benfica, numa mensagem publicada do Instagram.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Darwin Nuñez (@darwin_n9)

“O Stephen Eustáquio é a extensão do treinador dentro de campo. Aquilo que ele joga, o que cobra dos colegas e acima de tudo a inteligência que ele tem. É um monstro dentro de campo.” Pepa, treinador do FC Paços de Ferreira.

“Agradeço aos meus jogadores o gesto fantástico no final, ao oferecerem-me uma camisola pelos 200 jogos no FC Porto. Uma caminhada que tem sido cheia de paixão, ambição e com muitos deles desde o início. A todos os que fizeram parte do meu grupo de trabalho nestes quatro anos, o meu muito obrigado.” Sérgio Conceição, treinador do FC Porto.

“Fomos a melhor equipa e merecemos esta vitória. Estou a cumprir um sonho, jogar aqui e tenho tido a ajuda de todos os meus colegas.” Francisco Conceição, jogador do FC Porto.

“O jogo foi o possível, a minha equipa entregou-se completamente e era impossível fazer mais. Estamos numa Liga profissional. Eu já joguei em distritais e hoje tivemos de jogar nestas condições. Se é bom assim, deixem estar. Isto é futebol? Se é o que as pessoas gostam, jogamos onde for.” Luís Freire, treinador do Nacional da Madeira, sobre as péssimas condições do relvado do Estádio Nacional.

“A segurança que Rúben Amorim transmite aos jogadores e a convicção que tem… Basta escutá-lo para perceber isso. Desde o primeiro dia em que pegou na equipa, mostrou uma segurança admirável. Assumiu um grande compromisso, ainda com pouco tempo como treinador, para liderar um clube com grande exigência. Tens de ter caráter para tomar decisões difíceis que vão ajudar a equipa. Ele tem transmitido isso aos jogadores. Essa mudança deve-se ao trabalho que ele tem feito”. Jackson Martínez, antigo jogador do FC Porto e do Portimonense SC.

“Sinto-me muito confortável aqui. Portugal é um país muito bonito e o Benfica um grande clube onde se joga para conquistar títulos em todas as épocas. Para mim e para a minha família tudo encaixa aqui. Ainda assim, não posso dizer com certeza que irei cumprir na íntegra o contrato com o Benfica. Admito que há uma liga para a qual gostaria muito de ir. A Premier League! Já vi muito na minha carreira e atuei na Alemanha, Espanha, Itália e Portugal. Agora gostaria de conhecer o futebol inglês”. Haris Seferovic, jogador do SL Benfica.

“Talvez ele marque um golo por jogo, mas tem dificuldades com a ideia de jogo do Pirlo. O Cristiano Ronaldo sempre foi egoísta, não quer saber se outros marcam, é o tipo de jogador que vive para marcar. Ele não vive para o jogo, para o grande jogo. Ele vive para o golo e isso está a tornar-se evidente.” Antonio Cassano, antigo internacional italiano.

“Cristiano Ronaldo passou 94 minutos sem fazer nada, absolutamente nada, completamente perdido.” Avaliação do diário desportivo italiano Corriere dello Sport, após a derrota da Juventus por 2-1 frente ao FC Porto.

“Mesmo lesionado, o Cristiano Ronaldo é melhor do que muitos jogadores em forma. Considerando sua condição física, a forma como treina e como se cuida fora de campo, deve ficar muito tempo no futebol. Não sei se a intenção dele é continuar na Juventus, mas se eu fosse presidente do clube, tentaria por todos os meios mantê-lo na minha equipa.” Ramón Calderón, antigo presidente do Real Madrid.

“Achei que o Benfica foi uma equipa banal, por isso estou desiludido porque o Arsenal não aproveitou a oportunidade.” Martin Keown, antigo defesa do Arsenal.

“Temos um acordo com um investidor que investirá 250 milhões de euros para o Barça Corporate, mas 51% desse valor será reservado pelo clube. A mensagem é que o Barça terá a equipa competitiva que tem de ter e que os sócios querem. Teremos um plantel mais competitivo para a época 2021/22. Não falaremos de jogadores até sermos eleitos, porque isso pode afetar as negociações. Mas é possível trazer Haaland e Mbappé.” Toni Freixa, candidato à presidência do Barcelona.

“Sou um ser humano, como todos. Cometo meus erros, faço as minhas asneiras. Tento portar-me bem mas hoje não tive um comportamento à altura de um treinador do Palmeiras, que é ficar no banco e tranquilo, independentemente do que se passa dentro de campo. Sei que o futebol é de muitas emoções, mas tenho que corrigir isso.” Abel Ferreira, treinador do Palmeiras.

“José Mourinho é aquele treinador que contratas para ter resultados imediatos e, se não os tem, pouco mais há por trás disso em termos de qualidade de jogo e espetacularidade. Em tempos, Mourinho conseguiu resultados, mas neste momento isso não acontece. O declínio é alarmante. Creio que o Tottenham nem sequer vai conseguir chegar aos quatro primeiros lugares porque não são bons o suficiente para isso.” Jamie Carragher, ex-jogador do Liverpool e comentador desportivo.

“São excelentes as notícias quanto à forma como ele está a melhorar no dia-a-dia. Só de vê-lo a correr, a levantar pesos e fazer todas aquelas sessões intensas, é um grande alívio para toda a gente porque, em primeiro lugar, está a pessoa. Não vamos correr quaisquer riscos. Temos de ser mesmo pacientes e tomar as decisões certas e isso vai ter de ser feito pelo cirurgião, pelos exames que vai fazer ao crânio. O Raul Jiménez a ser a mesa pessoa, sempre sorridente e consciente do processo que vai ter de atravessar para poder voltar mais forte. Mas temos agora de ver como é que o cérebro vai reagir à aceleração, à desaceleração, aos saltos, ao impacto, isso é outra questão. Isso virá com o tempo.” Nuno Espírito Santo, treinador do Wolverhampton.

“Se todas as discussões, palavras grosseiras, pontos de vista amargos e discrepantes que tive com, por exemplo, Ronald Koeman, e ele comigo, estivessem gravadas, digo-vos já que teríamos muito mais do que um videoclipe e pouco menos do que um episódio da Netflix.” Andoni Zubizarreta, antigo guarda-redes espanhol, que representou Alavés, Atlético de Bilbau, Barcelona e Valência.

“O meu comportamento no Tottenham com o Terry Venables foi pouco profissional, uma desgraça, uma anedota. Deixei o Liverpool como um bêbado e cheguei ao Tottenham como um bêbado. Peço desculpa. Tinha medo quando estava no futebol e continuei a ter medo depois de o deixar. O futebol requer força mental, caso contrário ele mata-te. Podia superar o medo no jogo, com força mental, mas não o conseguia fora do campo. Quero pedir desculpas ao Terry Venables (antigo treinador do Tottenham). Eu já devia ter dito isto há muitos anos, mas eu não estava bem. Não estava bem da cabeça, detestava a minha vida, detestava-me a mim próprio.” Paul Walsh, antigo jogador do Liverpool, Tottenham e Manchester City Paul Walsh deixou de beber há cinco anos e ainda hoje frequenta diariamente reuniões dos Alcoólicos Anónimos.

“Eu contrataria Haaland, sinceramente, gosto mais. Acho que é mais goleador. Não vejo nele a reencarnação de Cristiano Ronaldo, mas sim, ele pode tornar-se muito importante numa equipa que crie muitas oportunidades de golo. Mbappé é outro estilo, menos goleador. Não acredito que nenhum deles marque 40 golos durante oito ou nove épocas seguidas”. Álvaro Benito, antigo jogador do Real Madrid.

Números da Semana

  • 200 – Sérgio Conceição chegou aos 200 jogos como treinador principal do FC Porto, tornando-se no terceiro treinador da história do clube a atingir as duas centenas de jogos no comando da equipa principal dos dragões, depois de Pedroto (321) e Artur Jorge (255). Nos 200 jogos em que já orientou a equipa portista, Sérgio Conceição, a cumprir a quarta época no banco dos dragões, conseguiu 144, somou 30 empates e sofreu 26 derrotas.
  • 24 – Só por uma vez, há 24 anos, o SL Benfica entrou na 21ª jornada do campeonato com 15 pontos de atraso em relação ao líder da prova.
  • 5Sem vencer há 5 jogos fora de casa para a Liga (4 empates e uma derrota). A última vitória do SL Benfica no campeonato foi há 2 meses, em Barcelos, frente ao Gil Vicente.
  • 8Rúben Amorim continua a fazer história no Sporting. Com a vitória contra o Portimonense, obteve o oitavo triunfo seguido, o melhor ciclo da temporada em curso, e tornou-se no primeiro treinador português a fazê-lo em tão poucos jogos (28). Antes dele, em épocas de conquista de campeonato conseguiram-no Randolph Galloway (1951/52) e Robert Kelly (1946/47).
  • 115O triunfo frente à Juventus, o primeiro na história, permitiu ao FC Porto cimentar a liderança no ranking das equipas portuguesas mais vencedoras na principal priva de clubes da UEFA. Os dragões somaram a 115.ª vitória, superando as 114 do SL Benfica.
  • 35Sérgio Conceição é o treinador com mais jogos europeus pelo FC Porto (35), ultrapassando Jesualdo Ferreira (34).
  • 2Francisco Conceição entrou para o lugar de Sérgio Oliveira nos minutos finais do jogo com a Juventus e tornou-se no segundo mais jovem de sempre a jogar pelo FC Porto na Liga dos Campeões. O extremo de 18 anos apenas fica atrás de Rúben Neves que se estreou com 17 anos e sete meses.
  • 15O FC Porto anunciou a contratação de Pepê, jogador brasileiro de 23 anos. O avançado chega do Grémio de Porto Alegre e assina por cinco épocas, até 2026, a partir de julho deste ano. O clube azul e branco comunicou à CMVM que o jogador custa aos cofres portistas 15 milhões euros – mais 487.500 euros, relativos ao mecanismo de solidariedade – e fica com uma cláusula de rescisão avaliada em 70 milhões de euros.
  • 1Soma e segue. Bruno Fernandes foi eleito o jogador da semana na Liga Europa. O médio português do Manchester United bateu a concorrência de Moanes Dabbur (Hoffenheim), Bruno Petkovic (Dínamo Zagreb) e Gareth Bale (Tottenham). Bruno Fernandes marcou dois golos na vitória do Manchester United diante da Real Sociedad, por 0-4, ficando muito perto dos oitavos de final da prova.
  • 1Soma e segue. Bruno Fernandes foi eleito o jogador da semana na Liga Europa. O médio português do Manchester United bateu a concorrência de Moanes Dabbur (Hoffenheim), Bruno Petkovic (Dínamo Zagreb) e Gareth Bale (Tottenham). Bruno Fernandes marcou dois golos na vitória do Manchester United diante da Real Sociedad, por 0-4, ficando muito perto dos oitavos de final da prova.
  • 7Pizzi é o jogador do SL Benfica com mais golos de grande penalidade nas competições europeias: 7.
  • 1Acontecerá pela primeira vez em 2021 no futebol profissional em Portugal. O jogo entre Santa Clara e Paços de Ferreira, dia 27 às 17 horas, terá adeptos nas bancadas. Esta época, recorde-se, o Santa Clara já contou com a presença de adeptos em dois jogos da Liga NOS disputados no Estádio de São Miguel, nos Açores, em outubro, frente a Gil Vicente e Sporting, mas o aumento do número de casos de infeção por Covid-19 levou o Governo a recuar.
  • 1923Burnley, Brighton, Manchester City e Everton. Foram estas as quatro equipas que fizeram o Liverpool bater um recorde que não se via há 98 anos. Os reds chegaram aos quatro desaires caseiros consecutivos para a Premier League. É preciso recuar a 1923 para encontrarmos uma série tão negativa do Liverpool em casa.
  • 300Klopp cumpriu o jogo 300 como treinador do Liverpool, tendo alcançado 177 vitórias.
  • 3O antigo médio de abertura da seleção da Nova Zelândia Dan Carter anunciou , aos 38 anos, a retirada do râguebi profissional, modalidade na qual foi bicampeão mundial (2011 e 2015) e três vezes eleito melhor jogador do mundo. O adeus de uma lenda da bola oval.

Teófilo Fernando Teófilo Fernando, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas criam massa que muda de formato assim que entra em contacto com a água

Da penne à fusilli: as pessoas adoram massas pelos seus formatos. Agora, uma equipa de cientistas liderada pelo Morphing Matter Lab da Carnegie Mellon University está a desenvolver massas planas que se transformam em formas …

Australiana fez uma cirurgia para remover as amígdalas (e acordou com um sotaque irlandês)

No dia 19 de abril, Angie Mcyen foi submetida a uma cirurgia para remover as amígdalas, um procedimento bastante simples que demorou apenas meia hora. Uns dias depois, acordou e apercebeu-se de que tinha um …

“Foi o crime do século“. Museu Britânico mostra o impacto do assassinato de Thomas Becket na Europa

Thomas Becket foi abatido dentro da Catedral de Cantuária por cavaleiros da comitiva do rei Henrique II. O assassinato, em 1170, causou ondas de choque em toda a Inglaterra. Agora, o religioso será recordado através …

Na Índia, ser-se rico ou pobre pode fazer a diferença no acesso à vacina

A Índia enfrenta uma grave escassez de vacinas contra a covid-19. Até ao momento, só 2,5% da população recebeu ambas as doses, enquanto 10% recebeu uma. Na Índia, as pessoas que vivem em cidades com fácil …

Ilha italiana torna-se "covid-free" e mostra-se pronta para receber turistas de todo o mundo

Numa altura em que vários países da Europa já começam a planear a abertura ao turismo de forma intensiva, há regiões que mostram já estar um passo à frente. É o caso da ilha de …

Política chinesa torna uigures reféns nas suas próprias casas

A China introduziu, em 2016, uma política de parentesco para promover a harmonia nacional e a unidade étnica, levando a que desde então mais de 1,1 milhões de funcionários do Estado ocupassem periodicamente as casas …

O palco de um dos maiores contos britânicos de sempre vai transformar-se num hostel

A Irlanda aprovou uma proposta para converter num hostel um dos pontos de referência de James Joyce mais icónicos de Dublin. O irlandês James Joyce é um dos maiores escritores da literatura britânica, sendo autor de …

Liz Cheney é a cara da oposição ao "trumpismo" no Partido Republicano

Esta quarta-feira, e depois de ter criticado o antigo Presidente dos Estados Unidos, a congressista Liz Cheney foi afastada de um cargo de liderança no Partido Republicano. Na noite desta terça-feira, e pouco antes de …

SC Braga punido com dois jogos à porta fechada por falta de habilitações de Custódio

O Sporting de Braga foi punido com dois jogos de interdição do seu estádio, após queixa da Associação Nacional de Treinadores de Futebol (ANTF), devido à falta de habilitações de Custódio, anunciou o Conselho de …

Marinha dos EUA faz apreensão de armas ilícitas no Mar da Arábia

A Marinha dos Estados Unidos apreendeu um carregamento ilícito de armas no Mar da Arábia, anunciou a Quinta Frota da Marinha americana. A apreensão do arsenal foi feita pelo navio USS Monterey na passada quinta-feira, dia …