Altar de pedra com 2.800 anos confirma que uma guerra bíblica realmente aconteceu

(dr) Adam Bean

Um altar de pedra inscrito com 2.800 anos de idade, encontrado dentro de um santuário moabita na antiga cidade de Ataroth, na Jordânia, pode dar mais informações sobre uma antiga guerra bíblica.

O altar tem duas inscrições. As palavras estão na língua moabita, enquanto os números nas inscrições estão em Hierático (um sistema de escrita egípcio). O altar parece datar a um tempo após Mesha, rei de Moab, se ter rebelado com sucesso contra o reino de Israel e conquistou Ataroth, uma cidade que o reino de Israel tinha controlado.

Nessa altura, Israel estava dividida em duas, com um reino do norte que mantinha o nome de Israel e um reino do sul chamado Judá.

A Bíblia hebraica menciona a rebelião, dizendo que antes de Mesha se rebelar, Moab tinha que dar a Israel um tributo anual de milhares de cordeiros e uma vasta quantidade de lã de carneiro. A rebelião também é descrita na chamada estela Mesha, descoberta em 1868 em Dhiban, na Jordânia, que afirma que Mesha conquistou Ataroth e matou muitos dos habitantes da cidade.

O altar foi descoberto enquanto o santuário estava a ser escavado, em 2010. O altar e o santuário foram descritos recentemente na revista Levant.

Uma das duas inscrições escritas no altar parece descrever o bronze que foi saqueado após a captura de Ataroth. “Pode-se especular que quantidades de bronze saqueadas da cidade conquistada de Ataroth foram apresentadas como ofertas no santuário e registadas neste altar”, escreveram os investigadores no artigo.

A segunda inscrição no altar é fragmentária e difícil de entender. Parte parece dizer que “4.000 homens estrangeiros foram dispersos e abandonados em grande número”, enquanto outra parte da inscrição menciona “a cidade desolada”.

“Ainda não há muita clareza sobre esta inscrição”, escreveram os arqueólogos, observando que a inscrição pode falar de eventos ocorridos durante a rebelião de Mesha contra Israel e a captura de Ataroth.

Substâncias perfumadas como incenso, madeiras aromáticas e óleos teriam sido queimadas no altar, disse o autor Adam Bean, do Departamento de Estudos do Oriente Próximo da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore.

O altar fornece a confirmação de que os moabitas conseguiram conquistar Ataroth, explicou o co-autor Christopher Rollston, professor de línguas semíticas e literaturas do noroeste da Universidade George Washington em Washington, D.C.

O altar também mostra que, há 2.800 anos, os moabitas tinham escribas habilidosos. As inscrições no altar “são as primeiras evidências que temos até agora para uma escrita moabita distinta”, disse Rollston à Live Science, observando que a inscrição descoberta em 1868 usava a escrita hebraica para escrever a língua moabita.

“Muitas vezes falamos sobre a sofisticação da educação dos escribas do antigo Israel, e com razão, [mas as inscrições no altar mostram] que a antiga Moabe tinha alguns escribas talentosos”, disse Rollston.

Hoje, Ataroth é chamado Khirbat Ataruz. As escavações no local são conduzidas por Chang-Ho Ji, que é reitor de educação na Universidade La Sierra, em Riverside, Califórnia.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Claro que aconteceu… por acaso Deus é homem para mentir? todas as descobertas arqueológicas em Israel e países circunvizinhos são baseados em relatos da Bíblia.

  2. mas… porque será que os norte-americanos (e os ingleses) andam sempre a cavucar no Próximo Oriente?
    O que procuram eles na região que foi o berço da Humanidade??!!
    Mais parecem cães sempre a farejar na tentativa de encontrarem um “precioso osso” enterrado ou estrategicamente escondido… e, petróleo, não é de certeza…
    Assinado: Maria da Maia

    • Primeiro porquê existe muitos judeus nos Estados Unidos e segundo pois lá tem uma especialização em cultura judaica.

RESPONDER

Siza Vieira diz que Governo está “disponível para colocar recursos públicos” na transição digital

Pedro Siza Vieira revelou estar "inteiramente disponível para colocar recursos públicos" ao serviço da transição digital e assegurou que o país "está preparado" para aproveitar fundos da UE. O ministro da Economia e da Transição Digital …

Partido de Macron impede candidata de concorrer a eleição por usar hijab

O partido do presidente francês Emmanuel Macron impediu uma mulher muçulmana de concorrer como candidata às eleições locais porque tirou uma fotografia para um panfleto de campanha usando um hijab na cabeça. Sara Zemmahi ficou famosa …

Coroa de D. Maria II arrematada por 1,3 milhões. Não vem para Portugal por falta de dinheiro

A tiara de diamantes e safiras da década de 1840, que pertenceu à rainha D. Maria II e suscitou interesse da direção do Palácio Nacional da Ajuda, foi arrematada em leilão da Christie’s por 1 …

Nova alteração no apoio à retoma. Empresas podem cortar horários em 100% em maio e junho

O Governo voltou a alterar o apoio à retoma e decidiu permitir que as empresas com quebras de, pelo menos, 75% continuem a reduzir os horários dos seus trabalhadores até 100%, no mês de maio …

É oficial. Dragão vai receber final da Champions (e com adeptos nas bancadas)

A UEFA anunciou, esta quinta-feira, que o Estádio do Dragão, na cidade do Porto, vai ser o palco da final da Liga dos Campeões, entre Chelsea e Manchester City, a 29 de maio. "A final da …

Nuno Mendes entra na agenda do Nápoles

Depois de ter chamado a atenção de vários clubes europeus, o clube napolitano é o mais recente interessado no jovem lateral do Sporting. Segundo o jornal Corriere dello Sport, com a qualificação quase garantida para a …

Nova ponte no Douro vai estar pronta em 2025. Vai custar 36,9 milhões de euros

A nova ponte rodoviária sobre o rio Douro custa 36,9 milhões de euros, incluindo acessos, e fica pronta em 2025, indica a proposta de lançamento de concurso que vai esta quinta-feira à reunião camarária de …

Sporting na Champions dá mais força ao regresso de Ronaldo

O internacional português pode ver com bons olhos a entrada direta do Sporting na Liga dos Campeões, numa altura em que a Juventus está cada vez mais em risco de não o conseguir. Segundo avança o …

Hospitais retomam consultas e cirurgias a todo o gás. Alguns estão melhores do que antes da pandemia

Após o cancelamento de mais de um milhão de consultas e de 150 mil cirurgias devido à covid-19, os hospitais estão a recuperar toda a atividade e alguns superaram mesmo os níveis anteriores à pandemia. Em …

Sporting quer reforçar o plantel (e vai investir 25 milhões de euros)

O Sporting já tabelou o investimento para a época 2021/22 e a SAD leonina está disposta a investir até 25 milhões de euros, perto daquilo que vai lucrar apenas com a entrada na Champions (23 …