Furacão Irma faz 10 mortos e deixa 95% de Saint Martin destruída

Gerben Van Es / Dutch Department Defense / EPA

O furacão Irma já fez oito mortos e deixou 95% da ilha de Sin Marteen totalmente destruída

O número de vítimas mortais na sequência da passagem do furacão Irma na parte francesa da ilha de Saint-Martin, nas Antilhas Pequenas, subiu para oito, segundo as equipas de emergência francesas.

O Irma atingiu ontem as Caraíbas, deixando a ilha de Barbuda totalmente devastada“.  O furacão de categoria 5 causou a destruição da ilha, que tem 1.600 habitantes, que agora “não é mais que um monte de destroços”, como realça o primeiro-ministro de Antígua e Barbuda, Gaston Browne.

A passagem do Irma deixou também a parte francesa da famosa ilha franco-holandesa de Saint-Martin “95% destruída”, disse esta quarta-feira à noite o presidente do conselho territorial local, Daniel Gibbs. A ilha ficou sem eletricidade, água ou telecomunicações.

O responsável pelo departamento de proteção civil, Vicent Boichard, adiantou, esta manhã que o balanço provisório apontava para oito mortos e 23 feridos. Entretanto, uma morte em Anguilla juntou-se a estas e à de uma criança de dois anos, em Barbuda, fazendo subir o número total de vítimas para 10.

O presidente da da Câmara de Guadalupe, Eric Maire, tinha dado conta anteriormente de seis mortos na parte francesa da ilha franco-holandesa de Saint-Martin, nas Antilhas Pequenas, na qual trabalham e residem milhares de portugueses.

A ilha de Saint Martin, também conhecida pelo seu nome holandês, Sint Maarten, é famosa pelo aeroporto de Juliana, junto à praia, que fez a sua primeira vítima mortal em julho, e que terá sido parcialmente destruído pela passagem do Irma.

Segundo reportaram vários utilizadores no Twitter, os terminais de embarque foram derrubados pela chuva e pelas rajadas de vento, que arrancou cercas de segurança,e estruturas metálicas, além de ter lançado grandes quantidades de areia para a pista.

No interior do aeroporto, o salão de check-in foi inundado e as passadeiras de embarque foram danificadas pela tempestade. Partes do edifício colapsaram.

O furacão Irma regista ventos sustentáveis de 295 quilómetros por hora e mantém-se como um ciclone de categoria 5, a máxima na escala Saffir-Simpson.

O furacão deixou para trás esta quinta-feira a ilha de Porto Rico e ameaça agora o noroeste da República Dominicana com ventos até 290 quilómetros por hora, segundo o Centro Nacional de Furacões de Estados Unidos.

De acordo com o Centro, “o olho do Irma deverá chegar na manhã de quinta-feira à República Dominicana e passará mais tarde perto das Ilhas Turcas e Caicos e no sudeste das Bahamas à noite”.

O olho do furacão está a 410 quilómetros este-sudeste da ilha Turca e avança a uma velocidade de 26 quilómetros por hora em direção oeste-noroeste, um movimento que os meteorologistas preveem se mantenha nas próximas 48 horas.

Cristobal Herrera / EPA

com o furacão Irma a dirigir-se para a Florida a corrida aos supermercados cresce, havendo até registo de produtos de primeira necessidade a esgotar. Rick Scott, o governador do estado Florida, já lançou o estado de emergência, apesa de o Irma só atingir aquele estado no sábado.

Três furacões estão a progredir em simultâneo no Oceano Atlântico, depois das tempestades José e Katia passarem a esta categoria, juntando-se assim ao Irma, que se desenvolve na categoria máxima, de 5, segundo o Centro norte-americano de Furacões.

Segundo o Centro norte-americano de Furacões, o furacão José “continua a intensificar-se” no Atlântico com ventos de 140 quilómetros por hora e na direção oeste. Este furacão, de categoria 1, está a 1.485 quilómetros das Antilhas Pequenas e não representa para já uma ameaça. Contudo, espera-se que venha a ganhar força nas próximas 48 horas.

O furacão Katia está “à deriva” no sudoeste do Golfo do México. Também de categoria 1, o olho do Katia está a 335 quilómetros a este de Tampico e 310 quilómetros a norte-noroeste de Veracruz, no México. O Katia está a avançar a uma velocidade de quatro quilómetros por hora em direção este sudeste e com ventos máximos até 130 quilómetros por hora.

Também no caso deste furacão, o Centro prevê que venha a fortalecer-se nas próximas 48 horas e se aproxime da costa mexicana.

Quatro portugueses retirados de Cayo Coco, em Cuba

Cuba já iniciou a retirada de mais de 36 mil turistas estrangeiros atualmente de férias na costa norte oriental e central, a mais ameaçada pelo furacão Irma, que se deve começar a sentir na sexta-feira, seguindo depois para o estado norte-americano da Florida.

Quatro turistas portugueses que estavam em Cayo Coco, em Cuba, serão na manhã de quinta-feira transportados para o centro de Cuba por uma questão de prevenção, por causa do furacão Irma, revelou o secretário de Estado das Comunidades, José Luis Carneiro.

“Mal amanheça, as autoridades militares cubanas irão transportar quatro portugueses que estavam numa ilha para o centro de Cuba. Estes turistas serão transferidos por uma questão de prevenção“, contou.

De acordo com o secretário de Estado das Comunidades, as autoridades portuguesas foram contactadas na quarta-feira à noite por outros quatro cidadãos portugueses que disseram não ter conseguido contactar familiares seus que se encontram em San Bartolomeu.

José Luis Carneiro salientou a destruição provocada nas ilhas de São Bartolomeu e Martinica pelo furacão. “A comunicação e eletricidade naquela região falhou, pelo que as comunicações estão mais dificultadas”, afirmou. De acordo com os dados dos serviços consulares, estão domiciliados na região 250 portugueses em São Bartolomeu e mais 50 em Martinica.

O responsável explicou que as autoridades portuguesas conseguiram “acionar a cooperação com o gabinete de crise dos serviços franceses e articular resposta com a representação consular da Suécia naquela região” e desde quarta-feira estão também a trabalhar em conjunto com o gabinete de resposta de emergência da União Europeia.

De acordo com o governante, a Secretaria de Estado da Defesa tem o adido militar em Washington a “preparar e acautelar todos os eventuais efeitos que possam ser produzidos na Florida, em Miami, onde há milhares de portugueses”.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Tudo isto nos faz penar, muito, refletir.
    O mundo só se lembra de prazer, luxúria, e coisas desse género, ninguém se lembra de oração, nem de DEUS, nem do que dizem
    Os escritos angigos.
    Lembremo-nos do destino de
    Sodoma e Gomorra.
    Bendito seja DEUS para sempre

    • DEUS está em tudo o que existe! A eterna lei da causa e do efeito, ajuda-nos a entender a sua existência. Mas o homem é cego e não vê, é surdo e não houve, Estamos a pagar pela ignorância.

      • Sem qualquer dúvida
        Mas DEUS é grande, misericordioso, ama-nos e sabe do que necessitamos, pecamos-lhe com fé, que nos proteja com sua mão direita poderosa e gloriosa e ele não permitirá que a tempestade nos afunde.
        Assim seja

  2. O Bicho homem, conseguiu aquilo que queria, com a sua ganância, e assobiando, para o lado. Não respeitou a NATUREZA, e agora a NATUREZA , vinga-se da afronta. Pena que sejam inocentes, a pagar pelos culpados. Deveria a força dos elementos, apenas assombrar a existência, dos gananciosos que a poluiram. Mas o pior ainda está para vir. Creio sinceramente, que este tufão, será uma pequena amostra, de calamidades que nos esperam. Deixem os polos derreterem, e o nivel do mar subir como é esperado. e irão ver o resultado. Há já longos anos, que cientistas o afirmam, e gananciosos interesseiros, se riem. Um dia chorarão, mas será tarde.
    NOVA ORDEM MUNDIAL, É PRECISA URGENTE.

  3. Vários cientistas de renome, têm vindo a alertar, para o facto de o bicho homem, não “RESPEITAR A NATUREZA”, Ela é o esgoto de tudo o que a castiga, Rios, Florestas, Oceanos, Atmosfera.
    Assim com a sua ganancia, não só têm destruido a camada de ozono, como assobiando para o lado, ir destruindo com a poluição excessiva, o equilibrio, das temperaturas no planeta. Nada será como foi. Só podemos esperar o pior, e estes hurricanes, são o prenúncio disso. Pior irá surgir. Dizem os entendidos, que neste caso concreto, se reuniram as condições, para os furacões terem tal intensidade. Só não dizem que os culpados são os homens, que ajudaram a criar tal situação. A verdade é dura, e eles não a querem admitir. Por vergonha, e pela ganancia que continua a ser o pão nosso de cada dia, desses energumenos. Riram-se, Agora chegou a hora de verterem lágrimas. Vai-te ganho, que me dás perca. A lei da causa e do efeito, ESTA A FUNCIONAR. De que valerá a evacuação, de milhões de pessoas, que decerto irão perder, se não as vidas, talvez os seus bens? É sádica a ideia de lhes dizer. -Fomos os culpados de tal acontecer, agora oferecemos a fuga como prémio de consolação.
    NOVA ORDEM MUNDIAL, É PRECISA URGENTE.

  4. Contra a natureza ninguém pode lutar. Ela é mais poderosa do que o Homem . Se existem maravilhas no mundo devem ser aproveitadas por quem tem delas direito. Se o dinheiro é pouco, façam um mealheiro durante o ano. Não sejam invejosos nem gananciosos. Também não se divirtam com a desgraça dos outros, pois lá diz o ditado:«Nas costas dos outros temos o nosso espelho»

RESPONDER

DGS atualiza regras para partos. Hospitais têm de assegurar condições para acompanhantes

A Direção-Geral da Saúde fez uma revisão nas orientações de modo a facilitar o acesso dos acompanhantes e para deixar exclusivamente ao critério da mãe o contacto pele a pele com o bebé e a …

Portugal com mais uma morte por covid-19 e 610 novos casos de infeção

Portugal registou, esta quarta-feira, mais uma morte e 610 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 610 …

Quartos para arrendar estão mais baratos em Lisboa. A culpa é da pandemia

A pandemia provocou uma quebra de preços mas a capital ainda é a cidade onde fica mais caro arrendar um quarto. Ao longo do último ano foi na cidade de Lisboa que se registou a …

MP acusa ativista que interrompeu António Costa de desobediência qualificada. Arrisca 2 anos de prisão

Em 2019, um ativista do movimento Extinction Rebellion Portugal interrompeu e tirou o microfone ao primeiro-ministro António Costa no jantar de aniversário do Partido Socialista. Agora, está a ser acusado de desobediência qualificada. De acordo com …

Jerónimo de Sousa lança críticas ao PS no arranque das autárquicas

Jerónimo de Sousa focou as suas críticas no PS no dia em que a CDU apresentou o compromisso da coligação parar as eleições autárquicas. A CDU promoveu, esta terça-feira, um "ato público" para apresentar o compromisso …

Cabrita vai explicar contrato do SIRESP ao Parlamento

O Parlamento vai ouvir o ministro da Administração Interna para explicar o problema da rede de comunicações de emergência do Estado, SIRESP, cujo contrato termina ainda este ano. A audição de Eduardo Cabrita foi aprovada por …

Falha de luz estraga 2400 vacinas em Famalicão. Almirante desvaloriza e Graça Freitas prevê "abundância"

Uma falha de energia eléctrica no Centro de Vacinação de São Cosme, em Famalicão, no distrito de Barcelos, levou à inutilização de 2400 vacinas. Um incidente que compromete a administração de doses no concelho numa …

Vacinação alargada a diabéticos, obesos e doentes oncológicos. Portugal vai dar vacina da Johnson

Marta Temido, ministra da saúde, Graça Freitas, directora-geral da Saúde, e Gouveia e Melo, coordenador da task force de Vacinação, fazem o balanço da primeira fase de vacinação contra a Covid-19 em Portugal, revelando mudanças …

Superliga Europeia está oficialmente suspensa. Teve 48 horas de vida

Os criadores da Superliga Europeia de futebol revelaram esta terça-feira à noite, em comunicado, que pretendem remodelar aquela competição, depois de os seis clubes ingleses terem anunciado o seu abandono. “Apesar da anunciada partida dos clubes …

Casa Branca exige que Congresso aprove reformas de práticas policiais

Depois de o júri do julgamento da morte de George Floyd ter declarado o ex-agente da polícia Derek Chauvin culpado dos três crimes de que era acusado, Joe Biden exigiu que o Congresso aprove reformas …