Operação Fénix: Gerente da SPDE diz que só faz segurança pessoal à esposa

139

fcporto.pt

O presidente do FC Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa

O presidente do FC Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa

O sócio-gerente da SPDE, Eduardo Silva, afirmou esta sexta-feira, durante o julgamento do processo “Fénix”, que nunca prestou qualquer tipo de serviços de segurança pessoal, nomeadamente a elemento do Futebol Clube do Porto.

“Só faço segurança pessoal à minha esposa”, referiu Eduardo Silva.

O arguido refutava assim a acusação do Ministério Público, segundo a qual prestaria serviços de segurança pessoal a elementos do “staff” do Futebol Clube do Porto, nomeadamente a Pinto da Costa, e ao antigo administrador da SAD, Antero Henrique.

“Não tem nada a ver com segurança pessoal”, sublinhou.

A SPDE tem contrato com o clube azul e branco para a segurança do Estádio do Dragão e das outras instalações desportivas do clube.

Eduardo Silva admitiu que ele e outros elementos da empresa acompanharam o FCP ou os seus dirigentes em certas deslocações, mas nesses casos apenas prestavam serviços de “assessoria em segurança”.

Assessoria que passaria, em certos casos, por fazer “uma primeira barreira” entre os adeptos e os jogadores e responsáveis do clube, como terá acontecido numa fase em que o presidente do FCP estava “cansado” após ter sido submetido a uma intervenção cirúrgica.

A preocupação, referiu, era sempre em relação aos adeptos do FCP e ao “carinho” que estes quereriam demonstrar em relação à equipa e ao presidente, e não em relação à eventual hostilidade de adeptos dos clubes adversários.

Assim, os elementos da SPDE destacados para acompanhar as deslocações do FCP fariam um “levantamento” da situação, nomeadamente junto ao hotel onde a equipa iria ficar hospedada.

A ideia, acrescentou Eduardo Silva, seria também “filtrar” quem entrava no hotel.

Em declarações aos jornalistas, o advogado de Eduardo Silva lembrou que do contrato celebrado entre a SPDE e o FCP também faz parte a “vigilância estática a todos os elementos” da direção do clube.

O processo “Fénix” relaciona-se com a utilização ilegal de seguranças privados.

Os 54 arguidos respondem por crimes de associação criminosa, exercício ilícito da atividade de segurança privada, extorsão, coação, ofensa à integridade física qualificada, ofensas à integridade física agravadas pelo resultado morte, tráfico, posse de arma proibida e favorecimento pessoal.

Eduardo Silva é o principal arguido, estando acusado de 17 crimes de exercício ilícito de atividade de segurança privada, além de associação criminosa, favorecimento pessoal e detenção de arma proibida.

A lista de arguidos integra a SPDE – Segurança Privada e Vigilância em Eventos, acusada de um crime de associação criminosa e outro de exercício ilícito de atividade de segurança privada.

Para a acusação, ficou indiciado que este grupo se dedicava às chamadas “cobranças difíceis”, exigindo, através da violência física e/ou de ameaças, o pagamento de alegadas dívidas.

Dois dos arguidos do processo são o presidente do Futebol Clube do Porto e o antigo administrador da SAD portista, acusados de terem contratado serviços de acompanhamento e proteção pessoal a essa empresa, quando sabiam que esta não dispunha de alvará para o efeito.

Pinto da Costa já depôs, afirmando que nunca teve “guarda-costas”, enquanto Antero Henrique optou por não prestar declarações.

// Lusa

RESPONDER

Através do estudo de magnetizações remanescentes em antigos meteoritos, uma equipa do MIT determinou que a nebulosa solar - o vasto disco de gás e poeira que veio a formar o Sistema Solar - durou entre 3 e 4 milhões de anos

Cientistas estimam o tempo de vida da nebulosa solar

Há cerca de 4,6 mil milhões de anos atrás, uma enorme nuvem de hidrogénio gasoso e poeira colapsou sob o seu próprio peso, eventualmente achatando-se num disco chamado nebulosa solar. A maioria deste material interestelar contraiu-se …

-

Comer mais gordura é mais prejudicial para os homens do que para as mulheres

As gorduras são essenciais na nossa dieta, e os especialistas recomendam que correspondam a 20% a 30% das calorias que consumimos diariamente. Mesmo assim, é do conhecimento geral que comer muita gordura pode ser prejudicial para …

-

FC Porto vence Boavista e não larga Benfica

Um golo de Soares, aos sete minutos, deu hoje o triunfo ao FC Porto em casa do Boavista por 1-0, em jogo da 23.ª jornada da I Liga de futebol que deixa os 'dragões' novamente …

Manuel Vicente, vice-presidente de Angola

Jornal de Angola critica justiça portuguesa: "Tanta falta de vergonha"

O Jornal de Angola retomou este domingos as críticas a Portugal, afirmando que "custa ver tanta falta de vergonha", a propósito da divulgação pela comunicação social do processo na Justiça portuguesa envolvendo o vice-presidente angolano, …

Neil Fingleton, Mag the Mighty em Guerra dos Tronos

Morreu o homem mais alto do Reino Unido (e da Guerra dos Tronos)

Morreu este sábado, vítima de ataque cardíaco, o actor e basquetebolista britânico Neil Fingleton, o homem mais alto do Reino Unido. O malogrado actor Neil Fingleton, de 36 anos, desempenhava vários papéis na série 'Guerra dos Tronos', …

O 'coração' de Marte

NASA publica foto inédita do coração de Marte

A agência espacial norte-americana NASA publicou uma imagem rara da superfície marciana, na qual se pode observar a rocha-mãe do planeta vermelho. De acordo com a NASA, a maior parte da superfície do quarto planeta do …

O actor Bill Paxton

Actor Bill Paxton morre após cirurgia

O ator norte-americano Bill Paxton, conhecido pela sua participação em filmes como "Aliens" ou "Titanic", morreu no sábado, aos 61 anos, na sequência de complicações após uma cirurgia, divulgou hoje a imprensa norte-americana. Citado pela revista …

-

O “telefone mais destrutivo da história” é falso

O director do Museu de Comunicações de Frankfurt aponta discrepâncias quanto ao suposto telefone vermelho de Adolf Hitler, apresentado como a “arma mais destrutiva” da história, recentemente vendido por 239 mil euros em leilão - …

O ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio

Núncio "confessou responsabilidade" (e o país "deve-lhe muito")

O PCP considerou hoje que a "confissão" do ex-secretário de Estado Paulo Núncio no caso das transferências para 'offshore' responsabiliza não só o CDS, mas também o PSD e o anterior Governo. O antigo secretário de …

Freedom 251, o smartphone indiano de 3 euros

Criador do smartphone de 3 euros foi preso por fraude

Mais uma vez se comprova que quando as coisas parecem boas demais para serem verdade... quase sempre o são: e o smartphone de 3.29 euros que nunca se veio a concretizar não é excepção. Há um …